Fonte: OpenWeather

    Estacionamento irregular


    Flanelinhas usam área de preservação como estacionamento em Manaus

    O espaço localizado em frente ao Detran-AM vem sendo usado para vaga de veículos ao preço de R$ 8.

    O estacionamento irregular fica em frente ao Detran-AM
    O estacionamento irregular fica em frente ao Detran-AM | Foto: Josemar Antunes

    Manaus - Um estacionamento de veículos improvisado em uma Área de Preservação Permanente (APP), no igarapé do Mindu, bairro Parque Dez de Novembro, na Zona Centro-Sul de Manaus, está sendo usado por flanelinhas indevidamente, que cobram R$ 8 para que motoristas possam estacionar o carro no local.

    A reportagem foi ao local e flagrou as irregularidades no espaço localizado na avenida Mário Ypiranga, em frente à nova sede alugada do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM).

    Por conta da irregularidade, proprietários de automóveis que procuram o órgão de trânsito estadual, inaugurado há menos de três meses, denunciaram o caso ao Em Tempo.

    Placas de sinalização foram colocadas pela Semmas, mas os flanelinhas se dizem "donos da área"
    Placas de sinalização foram colocadas pela Semmas, mas os flanelinhas se dizem "donos da área" | Foto: Josemar Antunes

    Leia também: Detran vira alvo de investigação do Ministério Público Federal do AM

    Para coibir uso do espaço como estacionamento de veículos, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) instalou três placas de sinalização na APP, mas os avisos não intimidaram o grupo de flanelinhas, que se intitulam "donos da área".

    Flanelinhas cobram R$ 8 pela vaga de estacionamento em uma área em frente ao Detran Amazonas
    Flanelinhas cobram R$ 8 pela vaga de estacionamento em uma área em frente ao Detran Amazonas | Foto: Josemar Antunes

    A Semmas afirma que a medida foi tomada após várias denuncias recebidas pelo órgão, que solicitou apoio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) e do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans) para instalação de dentes de dragão no local.

    O Em Tempo tentou contato com o representante da Associação dos Guardadores e Lavadores de Veículos do Amazonas (Aglavam), mas não obteve resposta nas ligações.


    Leia mais: 

    Manaus Ambiental amplia a rede de distribuição de água no Coroado

    PMs recebem novas viaturas para combater onda de crimes em Manaus

    Moradores de invasão na Zona Norte de Manaus denunciam ameaças

    Comentários