Fonte: OpenWeather

    Influenza


    Prefeitura vacina 14 mil idosos em casa

    A imunização faz parte da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, iniciada na última terça-feira.

    A imunização é realizada casa a casa
    A imunização é realizada casa a casa | Foto: Divulgação Semsa

    Manaus - Mais de 14 mil doses da vacina contra a gripe foram aplicadas em idosos até o meio-dia desta quarta-feira (25), pela Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, iniciada na última terça-feira. Em Manaus, a imunização é realizada casa a casa, conforme decisão pioneira do prefeito Arthur Virgílio Neto. A medida mobiliza 228 equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF) e, aproximadamente, 600 servidores da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). 

    “Os números nos mostram que a decisão foi assertiva. Nesse primeiro momento, estão sendo vacinados os idosos da estratégia da família e reforçamos a importância das pessoas que tenham mais de 60 anos serem cadastradas no nosso sistema, para que possamos atendê-las a partir da semana que vem. Com essa medida, prevenirmos contra a gripe e intensificamos a luta no combate ao novo coronavírus, evitando que esse público tenha que sair de casa”, disse Arthur. 

    A vacinação acontece em todos os Distritos de Saúde (Disas) da Semsa. A Semsa tem mais de 80 mil idosos cadastrados no sistema de informação e-SUS. A meta da campanha é vacinar 111.669 pessoas acima de 60 anos, em Manaus. 

    “Nossas equipes estão empenhadas em vacinar os idosos que integram o grupo de maior vulnerabilidade a esse novo vírus. Sabemos que essa vacina é contra o vírus influenza e suas variações, que não imuniza contra o novo coronavírus, mas a imunização das pessoas facilita a identificação dos casos de Covid-19”, informou o secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi. 

    Cadastros 

    Até a manhã desta quarta-feira, 25/3, a Prefeitura de Manaus recebeu, a partir do link para cadastramento no site da Semsa (http://semsa.manaus.am.gov.br), um total de 90.243 cadastros de idosos para a vacinação, todos dentro do critério de idade. Deste total, 29,5% informaram a matrícula do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), o que vai facilitar o georreferenciamento e 91% informaram o e-mail e podem ser notificados desta e de outras ações. 

    A partir desse cadastro, serão criadas rotas com base nos endereços informados, considerando a proximidade das casas. A divulgação das áreas será feita, diariamente, por meio das redes sociais da Semsa. Nessa modalidade, a vacinação deve começar na próxima semana. 

    No caso de condomínios, as equipes da Semsa também farão contato com síndicos ou administradores, para alinhar data para a vacinação dos moradores acima de 60 anos de idade.


    Com informações da assessoria

    Comentários