Fonte: OpenWeather

    saúde


    Manaus tem 1º caso de meningite em 2018; vítima está na UTI

    O diagnosticado com a doença tem 17 anos. A Faculdade Estácio do Amazonas, onde o universitário estuda, passará por descontaminação

    A faculdade Estácio de Sá interrompeu as aulas | Foto: Divulgação

    Manaus - Um estudante universitário de 17 anos foi diagnosticado com meningite, na noite desta quarta-feira (18), e levado para o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto, Zona Centro-Sul. A Secretaria Estadual de Saúde (Susam) informou que o estado de saúde do paciente é grave e ele está intubado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A secretaria diz de que não há riscos de contaminação.

    Ele foi internado por volta das 5h de ontem na unidade de saúde. O caso é o primeiro confirmado neste ano e o adolescente é estudante da Faculdade Estácio do Amazonas, onde as aulas foram interrompidas no turno noturno nesta quarta e a previsão para retorno é só na segunda-feira (23), segundo informou Raquel Silva, que é aluna do quarto período de enfermagem na instituição. Ela alerta que alguns alunos estão preocupados com a situação.

    "Estava trabalhando e pronta para ir à aula da noite, quando uma representante da faculdade disse que não precisava eu ir. Ela me informou que a direção havia reunido com todos os representantes de sala, durante a tarde, para informar que um aluno de pedagogia havia sido diagnosticado com meningite e que todo o prédio seria evacuado", falou.

    Leia também: CAICs vacinam cerca de 3 mil crianças no 'Dia D' contra Sarampo

    Segundo ela, por ser um ambiente fechado, algumas suspeitas vem à tona, principalmente estando no período das chuvas, onde doenças respiratórias costumam baixar a imunidade da população em geral.

    O estudante está internado no HPS 28 de Agosto
    O estudante está internado no HPS 28 de Agosto | Foto: Divulgação

    "Fico pensativa, porque estou gripada e um pouco vulnerável. Como a faculdade não divulgou a foto do aluno infectado, não sei se tive contato com ele ou não. Posso até estar contaminada e não sabendo. Eles disseram que apenas quem o conhecia iria fazer um exame com a Anvisa e que haveria a descontaminação do local, mas sem detalhes", termina.

    A assessoria de imprensa da Estácio informou, por meio de nota, que as aulas foram suspensas apenas no turno noturno desta quarta (18) e que a programação didática voltaria normalmente na sexta-feira (20). Ainda segundo a nota, está prevista uma higienização do local para garantir a segurança dos alunos, professores e colaboradores.

    Semsa

    A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) também informou, por meio de nota, que não é necessário uma evacuação no local, devido a doença ser provocada por uma bactéria dentro do organismo do indivíduo. Neste caso, a contaminação seria pelo contato direto com o infectado por, pelo menos, quatro horas seguidas durante cinco dias consecutivos.

    A pasta ainda informou que está acompanhando o caso, confirmado por meio de exame do liquor e a quimioprofilaxia das pessoas mais próximas ao estudante, como família, professores, namorada, amigos etc. 

    Edição: Isac Sharlon

    Leia mais

    Shoppings e postos de saúde realizam ação contra sarampo em Manaus

    Entenda os diferentes tipos de vírus da gripe que circulam pelo Brasil

    CAICs vacinam cerca de 3 mil crianças no 'Dia D' contra Sarampo

    Comentários