Fonte: OpenWeather

    Chamas


    Incêndio atinge galpão do Caprichoso após festa de 107 anos do boi

    Após as comemorações de 107 anos do boi-bumbá Caprichoso, o galpão de alegorias teve a parte externa tomada pelas chamas. Ainda não foi possível identificar a causa do incêndio

    O fogo foi controlado, mas as chamas invadiram a parte externa do galpão
    O fogo foi controlado, mas as chamas invadiram a parte externa do galpão | Foto: Divulgação

    Parintins (AM) – O galpão do Boi Caprichoso, em Parintins (distante a 369 quilômetros de Manaus), foi atingido por um incêndio de grandes proporções na madrugada desta quarta-feira (21), após as comemorações de 107 anos do bumbá. Ninguém ficou ferido.

    O fogo atingiu somente a parte externa do galpão de alegorias e foi controlado pelo corpo de bombeiros. Através das redes sociais, a agremiação emitiu nota esclarecendo a ocorrência.

    "O presidente Jender Lobato conversou com o sargento do Corpo de Bombeiros, Geandro Oliveira, que comandou a operação, o qual assegurou que as chamas foram contidas’’, esclareceu.

    A nota contém agradecimentos ainda ao trabalho da 3ª Companhia Independente de Bombeiros Militar e aos policiais militares, que deram suporte ao trabalho dos bombeiros e evitaram que as chamas chegassem nas alegorias e no Galpão Central.

    O diretor administrativo, Diego Mascarenhas, informou que uma retroescavadeira será levada ao local ainda nesta quarta-feira, para remover os materiais e identificar possíveis focos de fogo debaixo do entulho. 

    Segundo a unidade do Corpo de Bombeiros, ainda não foi possível identificar a causa do incêndio. O presidente Jender Lobato irá registrar boletim de ocorrência para que o caso seja investigado.

    Veja o vídeo:

    Chamas atingiram parte externa do galpão de alegorias | Autor: Divulgação
     

    Leia mais:

    Casas de madeira pegam fogo em Manacapuru e moradores perdem tudo

    Vídeo: incêndio atinge oficina e deixa carros destruídos

    Vídeo: ônibus do transporte coletivo pega fogo na zona Leste de Manaus

    Comentários