Fonte: OpenWeather

    Felicitações


    Moradores de Manaus compartilham o que desejam nos 351 anos da cidade

    Desde melhor infraestrutura, saúde, e educação, até mais investimento no turismo, moradores de Manaus falam sobre os desejos para a cidade no aniversário de 351 anos

    | Foto: Mara Magalhães

    Manaus - Na comemoração dos 351 anos da capital amazonense, neste sábado (24), a população conversou com o EM TEMPO sobre a expectativa para o novo ano de Manaus e compartilhou o que deseja para a melhoria da cidade. Confira: 

    | Foto: Lucas Silva
    "

    Que nós possamos investir na educação, na saúde, na segurança, e em todos os setores necessários para o progresso da nossa cidade "

    Yonarcira Machado, 31 anos,, universitária

    | Foto: Lucas Silva
    "

    Desejo para Manaus todo o sucesso, principalmente na questão turística. Que as pessoas de todos os lugares possam ter o privilégio de conhecer essa cidade maravilhosa "

    Dorcas Pimentel, 22 anos,, psicóloga

    | Foto: Lucas Silva
    "

    Mais consciência dos políticos. Não adianta ir na televisão falar bonito, e na prática deixar a população sem amparo "

    Iolanda Barbosa, 59 anos,, dona de casa

    | Foto: Lucas Silva
    "

    Desejo que a população tenha mais tranquilidade. Mais policiamento nas ruas, mais escolas, mais creches, mais transporte público e mais postos de saúde "

    Ângela Sara, 23 anos,, autônoma

    | Foto: Lucas Silva
    "

    Desejo que a população tenha mais consciência para manter a capital limpa, organizada e preservada. Não adianta termos lei, se ela não é cumprida "

    Rubens Mamude, 61 anos,, vigilante

    | Foto: Lucas Silva


    "

    Sinceramente, desejo que os políticos deem mais atenção para a população carente nesse tempo de pandemia, pois tem muita gente precisando de assistência "

    Jackson da Silva, 50 anos,, operador de máquinas

    Leia mais:

    Manaus: a cidade que matou seus igarapés

    Jovens da periferia em Manaus são atraídos para o tráfico

    Indígenas: vozes silenciadas e direitos esquecidos

    Comentários