Fonte: OpenWeather

    Manaus 351 anos


    Presente para Manaus: Prefeito entrega 2º Centro Integrado de Educação

    A entrega da obra do complexo educacional faz parte da programação simbólica pelo aniversário de 351 de Manaus, celebrado neste sábado (24)

    Cerimônia de entrega da obra
    Cerimônia de entrega da obra | Foto: Daniel Landazuri

    Manaus - Com uma estrutura padrão e inovadora, pensando em uma educação do século 21, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, entregou na manhã deste sábado (24), o segundo Centro Integrado Municipal de Educação (Cime) Josefina Rosa de Mattos Pereira do Carmo, localizado no bairro Jorge Teixeira, zona Leste de Manaus. 

    A entrega da obra do complexo educacional faz parte da programação simbólica pelo aniversário de 351 de Manaus. Já que, devido a pandemia de Covid-19, este ano não haverá a tradicional festa que celebra a data. 

    "O melhor jeito de comemorar é apresentando obras importantes para cidade. O Cime será uma revolução na forma de se fazer educação. As 'escolonas', que é como eu chamo, são as mais bonitas que existem no Brasil e são símbolos da ascensão social das pessoas que, atualmente, são as menos favorecidas, porque é pela educação que se liberta", ressaltou Arthur. 

    Autoridades participaram da solenidade
    Autoridades participaram da solenidade | Foto: Daniel Landazuri

    Estruturas 

    No total, mais de 1,6 mil alunos serão beneficiados com o Cime, que é a fusão da educação infantil e ensino fundamental em um só local. Serão destinadas 576 vagas para crianças da educação infantil e 1.024 para o ensino fundamental. 

    O centro conta com 12 salas de aula em cada prédio, salas de música, leitura, multiuso, informática, vestiários masculinos e feminino, brinquedoteca e espaços compartilhados, como a quadra de esporte coberta e auditório. 

    "A pandemia mostrou que a educação já estava mudando e agora precisa de metodologia ativa. Criamos uma arquitetura voltada para criação produção de um conhecimento voltado para o século 21 e  que os alunos sejam protagonistas em seu processo de aprendizado", explicou o a  titular da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Kátia Schweickardt. 

    2º Cime entregue pela gestão de Arthur Neto
    2º Cime entregue pela gestão de Arthur Neto | Foto: Divulgação

    Matrículas 

    A escolha do local do Cime se deu após uma análise com o setor Pedagógicos da Semed, que identificou a necessidade de construção de uma escola para ofertar mais vagas naquela região. 

    As regras de matriculas para o Cime, no Jorge Teixeira, são as oficiais e seguirão o calendário da Prefeitura de Manaus.

    "A escola está pronta, em 2021, dependendo da situação da pandemia, esperamos estar funcionando. E certamente será no regime hibrido ainda, porque ainda não temos o horizonte da vacina", pontou Kátia. 

    1º Complexo 

    O primeiro Cime foi inaugurado no ramal do Brasileirinho, Distrito Industrial 2, também Zona Leste da capital. A unidade de ensino recebeu o nome do professor doutor José Aldemir de Oliveira. 

    Veja a transmissão da inauguração do Cime:

    Leia mais 

    Estudantes de Manaus participam de intercâmbio cultural on-line

    ECA completa 30 anos: Conheça os avanços dessa Lei em Manaus

    Prefeito anuncia projeto para recuperar mais 115 quilômetros de vias

    Comentários