Fonte: OpenWeather

    Ano Letivo 2021


    Transferência, matrícula e rematrícula no AM? Saiba como fazer

    Saiba como fazer a matrícula, rematrícula ou transferência do aluno para o ano de 2021

     

    O procedimento será feito totalmente on-line, sem necessidade de confirmação nas escolas, neste período
    O procedimento será feito totalmente on-line, sem necessidade de confirmação nas escolas, neste período | Foto: Arthur Castro/Secom e Eduardo Cavalcante

    Manaus - Começa nesta sexta-feira (8) o calendário de matrículas para os alunos da rede pública no Ano Letivo de 2021. Em casos de transferência, matrícula e rematrícula saiba como fazer. 

    A Secretaria de Estado de Educação e Desporto e a Secretaria Municipal de Educação (Semed-Manaus) informa que devido à pandemia da Covid-19, o procedimento será feito totalmente on-line, sem necessidade de confirmação nas escolas, neste período. O calendário destaca as datas de matrículas para novos alunos e transferências. 

    Novos alunos

    O período de matrículas para novos alunos da rede pública de ensino municipal e estadual será de 29 de janeiro a 1º de fevereiro. O procedimento poderá ser realizado via internet, por meio do site www.matriculas.am.gov.br

    Novos alunos com deficiência poderão realizar a reserva de vaga antecipadamente, nos dias 26 e 27 de janeiro, também via web. Os documentos para a matrícula serão apresentados no início das aulas.

    Rematrícula

    O procedimento de rematrícula já foi feito pelas escolas de maneira automática no período de 28 de dezembro a 7 de janeiro. Todos os estudantes que estavam matriculados no ano letivo de 2020 têm vaga garantida nas escolas em que estavam, sem necessidade da presença de pais e responsáveis nas unidades de ensino. 

    Transferência

    De 22 a 25 de janeiro, acontece o período de transferência, quando os interessados podem solicitar pelo site www.matriculas.am.gov.br a mudança de unidade de ensino. 

    As escolas estão orientadas a aceitar o pedido, caso haja vagas, e confirmar a matrícula. O segundo momento, que é o da apresentação de documentos de maneira presencial, ocorrerá somente no início das aulas, que ainda não tem data definida.

    O período de solicitação de transferência para alunos com deficiência será nos dias 20 e 21 de janeiro.  Do mesmo modo, os pais e responsáveis não precisam ir até as escolas neste período. 

    Os estudantes que perderem os prazos poderão realizar qualquer um dos procedimentos no dia 2 de fevereiro, estando sujeito à disponibilidade de vagas na unidade escolhida. O procedimento também será feito pela internet.

    Reordenamento

    Os responsáveis pelos alunos que já são da rede pública e serão reordenados, ou seja, que estudarão em outra unidade de ensino porque a atual não possui a série que cursarão em 2021, também não precisam se preocupar em apresentar documentação agora. Todos os documentos serão aceitos na primeira semana de aula. 

    O procedimento também foi realizado de maneira automática pela secretaria. Os alunos foram aceitos nas escolas de destino e, caso os pais queiram solicitar a mudança de escola, isso poderá ser feito no período de transferência comum. 

    Neste ano, a rede estadual espera atender cerca de 589 mil estudantes, entre alunos em continuidade de ensino e novos alunos em 599 unidades escolares. Para novos alunos, estão sendo ofertadas 168 mil vagas. Já a rede municipal deve atender cerca de 263 mil crianças, com a abertura de 46 mil vagas para novos estudantes.  

    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Prefeitura instala Gabinete de Crise para enfrentamento da Covid-19

    Prefeitura e IMMU discutem soluções operacionais para o T6, em Manaus

    Comentários