Fonte: OpenWeather

    Eleições na PanAmazônia


    Novo presidente da PanAmazônia defende a pavimentação da BR-319

    Natural de Marabá Alexandre Zucatelli tem a missão de promover o ideal da integração e cooperação pan-amazônicas como instrumento para o desenvolvimento regional

     

    Alexandre Zucatelli, empresário de 34 anos, têm a missão de integrar o desenvolvimento econômico da região Amazônica
    Alexandre Zucatelli, empresário de 34 anos, têm a missão de integrar o desenvolvimento econômico da região Amazônica | Foto: Divulgação

    Os associados da PanAmazônia, organização não governamental, com sede em Manaus, que possui a missão de promover o ideal da integração e cooperação pan-amazônicas como instrumento para o desenvolvimento regional, elegeram este mês o seu novo presidente do Conselho.

    Alexandre Zucatelli, empresário de 34 anos, têm a missão de integrar o desenvolvimento econômico da região Amazônica, como um todo, alinhado à preservação da natureza

    O empresário do ramo de automóveis e do setor do agronegócio vai assumir o comando da organização não governamental no dia 1º de abril e ficará no cargo por dois anos.  Foi reconduzido ao cargo de Vice-Presidente do Conselho o empresário Jonathan Benchimol. Na Diretoria Executiva, permanece Belisário Arce.

    Em entrevista exclusiva ao EM TEMPO Zucatelli contou sobre os desafios que terá a sua gestão e como vê as questões que impedem que a BR-319 seja pavimentada por completo. “Um dos grandes objetivos nosso é conseguir unir mais empresários de toda a região amazônica”, conta ele.

    Desde a fundação, em 2010, a Associação PanAmazônia vem se esforçando para criar uma grande rede de empresários em todos os estados da Amazônia brasileira e dos países vizinhos para promover ações contra o engessamento produtivo da região e em favor da prosperidade econômica das sociedades amazônicas, dentro do escopo do liberalismo.

    “A Pan Amazônia busca o desenvolvimento econômico da região, alinhado com a preservação da natureza. Temos todo um respeito com o que está na legislação. A grande dificuldade é a questão logística na nossa região”, pontuou Zucatelli

    Br-319

    Para o novo presidente da PanAmazônia o asfaltamento da Br-319 também conhecida como Transamazônica precisa ser uma prioridade “Com todas as dificuldades de logística na nossa região existe uma influência no preço final de qualquer produto. Nesse sentido acredito que a Br-319 seja asfaltada para ligar o estado do Amazonas a Rondônia”.

    Nesse sentido Zucatelli acredita que um alinhamento da iniciativa privada com o poder público trará desenvolvimento “todos os nossos esforços são desprendidos para promover o ideal do desenvolvimento econômico da Amazônia, assim como de uma agenda liberal, com foco no investimento privado, na desburocratização, na revisão de legislação ambiental excessiva, e na criação de um ambiente favorável e atrativo para negócios”.

    A PanAmazônia funciona com uma Diretoria Executiva sediada em Manaus e Comitês (Mesas Pan-amazônicas) nos demais estados e países da Amazônia, recorrendo a sua rede de associados empresariais para ter a sinergia necessária à implementação de seus objetivos institucionais e atividades.

    Leia mais

    PanAmazonia e Oxford realizam webinário para empresários do Amazonas

    Região Amazônica possui 2,3 mil pontos de mineração ilegal, diz estudo

    Perdas na Floresta Amazônica podem estar aquecendo o clima, diz estudo

    Comentários