Fonte: OpenWeather

    Meio ambiente


    Sesc-AM começa agendamento de grupos para exposição ‘Antropia’

    Exposição nacional gratuita convida público a refletir sobre ação do homem no meio ambiente

    Os grupos terão que ter acima de 15 pessoas e poderão visitar de segunda à sexta | Foto: Divulgação

    Manaus - O Sesc Amazonas começou a realizar o agendamento de escolas e grupos (a partir de 15 pessoas) que têm interesse em visitar a exposição nacional “Antropia: Os reflexos da ação do homem no meio ambiente”. A visitação é gratuita e ocorrerá ao longo do mês de agosto, na Sala de Ciências do Sesc Balneário, no Planalto. O espaço irá funcionar de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. 

    A mostra busca promover o entendimento dos fenômenos climáticos da atualidade, sensibilizar a população para o conceito sustentabilidade e, dessa forma, minimizar os impactos da ação do homem no meio ambiente. 

    A exposição já passou pelas regiões sul, sudeste e nordeste. No norte, a visitação teve início em Roraima, nos meses de maio e junho. O Amazonas é o segundo estado da região a receber a exposição que também deve passar pelo Pará. 

    Leia também: Dragas são flagradas explorando ouro ilegal no Amazonas

    Segundo o coordenador do Sesc Ciências no Amazonas, César Marinho, a mostra é divida em seis módulos, sendo um introdutório e os demais exploram os impactos do homem em cada região do Brasil. Para ele, a exposição convida o visitante a repensar suas atitudes diante do meio ambiente. 

    “É uma boa oportunidade para refletirmos as ações do homem no meio ambiente dentro de Manaus, uma cidade que fica localizada no centro da maior floresta do mundo. É um momento interessante para pensarmos como estamos convivendo com esses recursos naturais, como temos lidado com o conceito preservação e qual a nossa relação com essa floresta que nos mantém”, disse. 

    O agendamento das visitas guiadas pode ser feito pelos telefones 2121-5374 / 98415-7818 ou pelo e-mail: sala.ciencia@sesc-am.com.br. Além da visitação em grupo, o espaço também receberá o público que quiser conhecer a mostra de forma espontânea (individual e grupos menores), não sendo necessário agendar.  

    Os grupos terão que ter acima de 15 pessoas a poderão visitar de segunda à sexta
    Os grupos terão que ter acima de 15 pessoas a poderão visitar de segunda à sexta | Foto: Divulgação

    Sobre a mostra 

    A Mostra Antropia foi concebida pelo Departamento Nacional (DN) em 2015 na perspectiva de favorecer o entendimento dos fenômenos que vem causando eventos extremos em todo o mundo.

    Além de sensibilizar a população para o paradigma da sustentabilidade, fomentar a formação de redes socialmente responsáveis pela saúde ambiental e uso inteligente dos recursos e tecnologias para redução dos impactos da ação humana no meio ambiente.

    O intuito é discutir as ações antrópicas no meio ambiente, convidar o visitante a reflexão sobre os efeitos decorrentes dessa atuação na natureza e repensar alternativas para minimizar esses danos.

    Com informações da assessoria*

    Leia mais: 

    Sem manejo de caça macaco, guariba pode ser extinto aponta instituto

    Circuito da ciência no Inpa explora interação com a natureza

    Pesquisadores identificam 12 novas especies na Amazônia

    Comentários