Fonte: OpenWeather

    3º Semestre


    Pólo Industrial de Manaus tem melhora na produção

    A fabricação de motocicletas ajudou a segurar a linha de crescimento no PIM

    Segmento de duas rodas contribuiu para o desempenho positivo
    Segmento de duas rodas contribuiu para o desempenho positivo | Foto: Arquivo EMTEMPO


    A produção do PIM, apesar de registrar um recuo de 1,1%, na passagem de agosto para setembro deste ano, fechou os três primeiros trimestres do ano - janeiro a setembro -, com o sexto melhor desempenho entre os 15 locais pesquisados pelo IBGE.

    Os dados da pesquisa Industrial Mensal Produção Física - Regional foram divulgados nesta quarta-feira (8). Entre os 11 melhores resultados do terceiro trimestre do ano no país, sobre o período anterior, o Amazonas não obteve um dos melhores resultados. Contudo, a alta de 3,99% foi mais intensa do que as registradas de janeiro a março (1,0%) e de abril a junho (2,3%).

    Leia também: Décimo terceiro deve injetar R$ 286 milhões em dezembro no AM

    A curva de crescimento da indústria amazonense é representada pela alta na produção de TVs, motocicletas e bens de informática como tablets e celulares, segundo afirmou o presidente do Cieam, Wilson Périco. “Esses produtos representam hoje 45% do faturamento da nossa indústria”, disse.

    Périco avaliou que, com a sequência de altas no acumulado do ano, já é possível dizer que há uma estabilidade na produção do PIM e que 2017 fechará com alta em relação a 2016, que foi um ano desastroso para a economia. Mas o empresário observou que é preciso ficar atendo para a virada do ano, uma vez que 2018 é um ano de novas eleições.

    O setor de eletrônicos também ajudou a puxar a curva de produção para cima
    O setor de eletrônicos também ajudou a puxar a curva de produção para cima | Foto: Arquivo EMTEMPO


    Para o dirigente, o fato de ter parado de recuar na produção, no faturamento e na geração de emprego já é uma grande notícia. Mas, agora, ele sustenta que são necessárias medidas de governo que garantam a confiança do consumidor.

    “Hoje ele [consumidor] está gastando mais com gêneros de primeira necessidade. Mas, o PIM produz bem de consumo. Precisamos resgatar o otimismo para que o consumidor compre uma nova TV ou uma motocicleta sem medo de não conseguir pagar”, comentou Périco.

    O presidente do Cieam disse ainda que se faz necessário diversificar a indústria do Amazonas “para além dos muros da capital”, bem como se livrar das fixações dos PPBs (processos produtivos básicos), cobrados por Brasília. “Precisamos desenvolver produtos que agreguem aqui, potencialidades como os biocosméticos, e produzir produtos e subprodutos”, disse.

    Nacional

    O terceiro trimestre da produção da indústria brasileira registrou alta de 3,1% diante ao mesmo trimestre de 2016. O resultado, de acordo com o IBGE, reflete avanço no setor em 13 dos 15 locais pesquisados no país. Em bases trimestrais, a expansão do terceiro trimestre do ano é a taxa positiva mais elevada desde o segundo trimestre de 2013, quando atingiu 5,1%.


    Leia mais

    Fuzis apreendidos na AM-70 seriam utilizados para resgatar preso no AM

    Adeus, Amadeu! Obrigado

    Homem estupra a própria mãe de 81 anos em Parintins

    CIDADANIA

    Comentários