Fonte: OpenWeather

    VIDA E SUCESSO


    Investimentos em empreendedorismo são marcas da Prefeitura de Manaus

    Com recursos da ordem de R$ 487 mil, o município desenvolve o programa “Manaus Mais Empreendedora” dentro das escolas, para mais de 1,5 mil estudantes

    No Escritório do Empreendedorismo, o empreendedor tem acesso a serviços como consultoria, apoio técnico, capacitação, entre outros. | Foto: Alex Pazuello/Semcom

    Manaus - O empreendedorismo abre as portas para o mercado de trabalho e tem sido uma das prioridades na administração do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto. As ações geram oportunidades para que jovens e adultos descubram suas habilidades nos negócios, gerando emprego e renda para a população.

    “Muitas pessoas sonham, principalmente os jovens, ao entrar no mercado de trabalho, em se tornar empreendedores. A prefeitura não mede esforços para estimular o talento de cada um, oferecendo o empreendedorismo, desde a escola até ao Escritório do Empreendedor. É uma semente que estamos plantando e que está gerando frutos, mudando a vida de muitas famílias, com seus negócios próprios”, destaca o prefeito Arthur Neto.

     As ações geram oportunidades para que jovens e adultos descubram suas habilidades nos negócios, gerando emprego e renda para a população.
    As ações geram oportunidades para que jovens e adultos descubram suas habilidades nos negócios, gerando emprego e renda para a população. | Foto: Alex Pazuello

    No programa “Manaus Mais Empreendedora”, com investimentos de R$ 487 mil, a prefeitura trabalha o empreendedorismo na base, dentro das escolas, ampliando a visão de mundo e de mercado para mais de 1,5 mil estudantes da rede municipal, por meio de um de seus projetos: o “Empreendedorismo nas Escolas”.

    Além dos alunos, o programa também contempla outros setores da sociedade, como as pessoas que ainda estão na informalidade, a formalizarem seus negócios, tornando-se microempreendedores, além do fortalecimento da cadeia produtiva do artesanato regional.

    Outro grande avanço nessa área é a criação do “Escritório do Empreendedorismo”, inaugurado pelo prefeito Arthur Neto em junho deste ano, que orienta e dá mais agilidade para quem quer ou já tem seu próprio negócio.

    “A crise empurrou muita gente para o empreendedorismo, e o Escritório atua para ajudar essas pessoas. O importante mesmo é cultivarmos uma mentalidade de empreendedorismo. Em vez de brigar pelo primeiro emprego, estimulamos para que briguem pela primeira empresa, investindo para valer na capacidade de produzir, de criar tecnologias, gerar renda e emprego, que o empreendedorismo em alto grau revela”, afirmou o prefeito.

    Referência

    No Escritório, o empreendedor tem acesso a serviços como consultoria, apoio técnico, capacitação, entre outros. “Uma das determinações do prefeito Arthur foi a melhoria do ambiente de negócios, e o Escritório do Empreendedor veio para consolidar. Ele é um ponto de referência para o empreendedor que quer crescer, quer melhorar”, afirmou a secretária municipal do Trabalho, Emprego e Desenvolvimento (Semtrad), Ananda Carvalho.

    Escritório funciona de 8h a 14h, e começa com orientações ao microempresário ou potencial empreendedor
    Escritório funciona de 8h a 14h, e começa com orientações ao microempresário ou potencial empreendedor | Foto: Alex Pazuello/Semcom

    Como funciona

    O Escritório do Empreendedor funciona em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). O primeiro passo para acessar os serviços do Escritório do Empreendedor é ter uma ideia de negócio. “Nosso objetivo é dar orientações para quem tem desde uma ideia inicial e quer desenvolvê-la como negócio, até para aquelas pessoas que já estão empreendendo e querem resolver alguma questão burocrática que está impedindo o negócio de seguir em frente”, explica a secretária executiva do Fundo Municipal de Fomento à Micro e Pequena Empresa (Fumipeq), Raphaela Antony.

    O Escritório do Empreendedor começa com orientações ao microempresário ou potencial empreendedor, mas o projeto prevê, ainda, consultorias e mentorias. Com diversas áreas a serem desenvolvidas, como Marketing e Vendas, Planejamento, Finanças, Engenharia de Alimentos, Gestão de Produção e Acesso aos Mercados, para cada uma delas será feito chamamento público, para que empresas especialistas na área possam oferecer essas orientações.

    Aos jovens empreendedores manauenses que quiserem obter mais informações sobre o atendimento do projeto, elas podem ser obtidas por meio dos telefones 3214-9836, 3664-9548 e 3214-7983. O Escritório irá funcionar das 8h às 14h, de segunda a sexta-feira.

    *Com informações da assessoria.

    Leia mais

    Startup amazonense deixa produtor rural mais perto do cliente

    Na saúde e no negócio: pizzaria vegana é alternativa inteligente no AM

    Universidades como habitat ideal para o jovem empreendedor

    Comentários