Fonte: OpenWeather

    Capacitação


    Inscrições abertas para 21 cursos gratuitos do Ministério do Trabalho

    Os cursos são ministrados pela internet e tem certificado digital garantido pela Universidade de Brasília (UnB)

    As inscrições e as aulas são feitas pela internet. | Foto: Divulgação

    Manaus - Ficou ainda mais fácil ter uma capacitação para o mercado de trabalho com a Escola do Trabalhador. O programa do governo federal tocado pelo Ministério do Trabalho continua com inscrições abertas para 21 cursos de capacitação básica voltada para o mercado de trabalho. Os 28 mil concluintes da primeira turma já receberão o certificado logo após o carnaval.

    Inglês para o Trabalho e Introdução ao Excel são os cursos com o maior número de conclusões. As inscrições podem ser feitas no site da Escola do Trabalhador http://escola.trabalho.gov.br/

    A Escola do Trabalhador foi lançada no último mês de novembro pelo Ministério do Trabalho, e já tem 126.480 pessoas cadastradas, com um total de 181.372 matrículas, já que um mesmo estudante pode fazer mais de um curso. A plataforma online está completando três meses de atividades e já chega à marca de 28.329 cursos concluídos.

    Leia também: Segurados tem até 28 de fevereiro para comprovação de vida 

    Para participar, basta utilizar um computador ou qualquer aparelho móvel com conexão à internet. Não há pré-requisito nem exigência de escolaridade mínima. Os cursos foram elaborados pela Universidade de Brasília (UnB). Ao final de cada curso, os participantes passam por uma avaliação e, se aprovados, recebem o certificado digital de conclusão, que também é emitido pela instituição universitária.

    Os conteúdos incluem textos, vídeos e jogos com linguagem simples e navegação intuitiva, acessível a todos os trabalhadores. Cada curso dura cerca de 40 horas e o conteúdo fica disponível o tempo todo, para que todos os módulos possam ser concluídos com calma. A estimativa é que as pessoas concluam em cerca de dois meses.

    Dos 21 cursos já disponíveis, o de Inglês Aplicado ao Trabalho é o que tem mais conclusões até agora serão entregues 3.768 certificados, o equivalente a 11,8% do total de 32.038 matrículas na disciplina.

    O curso com o segundo maior número é o de Introdução ao Excel, com 3.271 conclusões, ou 11,9% das 27.583 matrículas. Depois vem Segurança da Informação, com 2.756 certificados que já serão entregues, entre 17.861 inscritos (15,4%). Como não há prazo delimitado para a conclusão dos cursos, o número de conclusões em relação ao de inscritos ainda deve aumentar.

    Certificado digital

     A coordenadora da Escola do Trabalhador, Thérèse Hofmann Gatti, da UnB, explica que por enquanto só quem se cadastrou até o último dia 28 de janeiro na primeira turma receberá o certificado. Será enviado um e-mail a esses alunos informando sobre a certificação.

    “Quem concluiu o curso vai receber um e-mail com a imagem digitalizada do certificado e o código de validação. O certificado original é o da tela. Se imprimir para fazer cópia, o trabalhador deverá autenticar o certificado em cartório”, disse Thérèse.

    Antes de receber o certificado, os estudantes estão respondendo a um questionário. O objetivo é levantar informações que ajudarão a estabelecer novas estratégias e mais opções de cursos.

    Além disso, essas informações poderão ser cruzadas com a base de dados do Seguro-Desemprego e integradas ao sistema do Sistema Nacional de Emprego (Sine), para auxiliar na recolocação dos estudantes no mercado de trabalho, se estiverem desempregados.

    Confira o detalhamento completo dos 21 cursos que estão sendo oferecidos de forma gratuita pela internet. 

    | Foto: Reprodução

    Edição: Lívia Nadjanara

    Leia mais: 

    'Fomos pegos de surpresa', diz advogado de Evandro Melo sobre prisão

    Prefeitura amplia serviços no Portal Manaus Atende

    WhatsApp vai disponibilizar chamada de vídeo em grupo

    CIDADANIA

    Comentários