Fonte: OpenWeather

    Copa Sul Americana


    Vasco cai na Copa Sul-Americana e agora só resta o brasileirão

    Após perder no Equador por 3 a 1, Vasco bate LDU por 1 a 0 em São Januário, com gol de Thiago Galhardo, e cai na Copa Sul-Americana

    Caio Monteiro lamenta queda cruzmaltina na Copa Sul-Americana
    Caio Monteiro lamenta queda cruzmaltina na Copa Sul-Americana | Foto: Dhavid Normando

    Rio de Janeiro (RJ) – Depois da decepção causada pela saída precoce da Copa do Brasil, o Vasco também foi eliminado da Copa Sul-Americana. Em partida disputada na noite de ontem (9), em São Januário, a equipe cruzmaltina derrotou a LDU por 1 a 0, mas não conseguiu eliminar o time equatoriano que venceu o jogo de ida por 3 a 1 e garantiu a vaga.

    O único gol da partida foi marcado por Thiago Galhardo aos 40 minutos do segundo tempo. Agora, a LDU vai enfrentar o Deportivo Cali, da Colômbia, pelas oitavas de final da competição.

    Pelo que produziu em campo, o Vasco até merecia um resultado melhor. O time dirigido por Jorginho dominou a maior parte do jogo e criou inúmeras chances para marcar. Algumas desperdiçadas pelos seus jogadores, outras acabaram nas mãos do goleiro Gabbarini, o melhor jogador da LDU. A equipe do Equador foi armada para defender a boa vantagem alcançada em Quito e alcançou o seu objetivo.

     O jogo

    Apoiado por uma torcida entusiasmada, o Vasco partiu para cima da LDU. Antes do primeiro minuto, Thiago Galhardo já tinha dado uma “caneta” num adversário e cruzado para a conclusão de Giovanni Augusto, mas a bola saiu. Logo depois, após cruzamento de Yago Pikachu, Andrei cabeceou com perigo.

    A resposta da LDU foi imediata e assustou a torcida carioca. A bola foi levantada na área e Anangonó se antecipou a Henriquez e cabeceou forte. A bola tirou tinta da trave esquerda defendida de Martín Silva, que apenas torceu para a bola sair.

    A partida era movimentada. O Vasco seguia com a iniciativa do jogo, mas se mostrava ansioso para marcar o primeiro gol. Depois dos 20 minutos, o ritmo dos donos da casa caiu e a partida ficou mais equilibrada, mas o time carioca criou dois bons momentos em lances sucessivos.

    O Vasco voltou para o segundo tempo com o zagueiro Ricardo no lugar de Breno que se lesionou. E o time de São Januário voltou com a mesma disposição ofensiva. Logo aos dois minutos, Thiago Galhardo recebeu de Andrey e chutou com grande perigo.

    O Vasco passou um sufoco aos 17 minutos quando a LDU saiu em velocidade e Guerrero entrou pela esquerda e tentou encobrir Martin Silva, mas a bola acabou saindo. O time carioca respondeu com um chute de Andrey que Gabbarini, mais uma vez, espalmou e a defesa aliviou.

    A pressão continuou e, aos 27 minutos, Thiago Galhardo bateu colocado e a bola passou tirando tinta do travessão equatoriano.

    Apenas aos 40 minutos, o Vasco marcou o primeiro gol. Pikachu recebeu na área, tocou para Andrés Rios que recuou para Thiago Galhardo bater colocado e colocar nas redes.

    O estádio virou um caldeirão e o Vasco partiu para tentar o segundo gol que garantiria a classificação. Aos 47, depois de jogada confusa na área, Andrés Rios bateu e a bola saiu, para desespero dos cariocas. Um minuto depois, Andrés Rios recebeu na área, matou no peito e virou, mas a bola encobriu o travessão.

    Comentários