Fonte: OpenWeather

    Handebol


    Com pressão de jogadores, Mundial de Handebol não terá torcida

    O mundial de handebol será realizado a portas fechadas

     

    Seleção Brasileira já está no Egito para os jogos
    Seleção Brasileira já está no Egito para os jogos | Foto: Reuters

    A Federação Internacional de Handebol (IHF) anunciou neste domingo (10) que o Mundial masculino do Egito não vai mais contar com torcedores na arquibancada. A decisão às vésperas do torneio, que começa na quarta-feira (13), foi uma resposta à pressão dos jogadores, que se posicionaram contra a presença da torcida como medida de segurança contra a Covid-19. 

    A polêmica começou quando quatro jogadores alemães, Hendrik Pekeler, Steffen Weinhold, Finn Lemke e Patrick Wiencek pediram dispensa da seleção. Três vezes eleito o melhor jogador do mundo e atual campeão mundial e olímpico, o dinamarquês Mikkel Hansen também cogitou cancelar a ida ao Egito.

    A organização do Mundial já havia reduzido a presença dos torcedores a 20% da capacidade das arquibancadas, mas os jogadores não ficaram satisfeitos. Destaque da seleção brasileira e do Barcelona, Haniel Langaro fez coro aos atletas europeus e criticou até mesmo a realização do Mundial. 

    "Estamos falando de uma pandemia que já matou muita gente. Na minha opinião não deveríamos nem jogar um Mundial assim, principalmente com o público." disse Haniel em entrevista. 

    O Mundial do Egito vai ser disputado entre 13 e 31 de janeiro. Pela primeira vez, vão ser 32 seleções participantes (antes eram 24) que ficaram em uma bolha de isolamento em hotéis exclusivos para a competição.

    Uma série de medidas de combate ao coronavírus foram tomadas, como a testagem regular de todas as pessoas da bolha do Mundial.

    *Com informações do Globo Esporte

    Leia mais: 

    Rogério Ceni tem reunião com diretoria para decidir futuro no Flamengo  

    Atleta iraniano é condenado à morte após ter matado homem em briga  

    Santos impõe nova derrota ao líder São Paulo pelo Brasileirão 

    Comentários