Fonte: OpenWeather

    Sanção


    Jogar lixo nas ruas de Manaus agora é crime e você pode ser multado

    Prefeito também sancionou a lei de incentivo à inclusão de PCDs no mercado de trabalho

    Ambas as leis foram de autoria do vereador Plínio Valério | Foto: Márcio Melo

    Manaus - O prefeito Arthur Neto (PSDB) sancionou, na tarde desta segunda-feira, duas leis municipais que irão impactar no desenvolvimento da cidade, como a inserção de trabalhadores no mercado de trabalho e conscientização para a manutenção da limpeza pública. Tratam-se das leis 116/2017, de autoria do vereador Plínio Valério (PSDB), que garante multa ao indivíduo que for flagrado jogando lixo em via pública e a lei 2.261/2017, que assegura vagas para pessoas com deficiências (PCD), em órgãos da administração pública de Manaus.

    Leia também: Em Tempo cria lista de transmissão de notícias pelo WhatsApp

    Para o vereador Plínio, a sanção de seu projeto de lei é uma medida para quem não possui educação doméstica. “Se não tem (educação), paciência. Essa lei não vem para multar e, sim, para assustar e fazer com que as pessoas tenham hábitos de educação”, disse.

    Sobre a lei de incentivo à inserção de PCDs no mercado de trabalho, o prefeito Arthur disse que o ideal é não haver necessidade de uma determinação como está, mas acredita que será uma iniciativa positiva para a cidade. “Em certas cidades não há necessidade, mas é necessário ter em cidades como São Paulo e Manaus”, comentou.

    Leia também:

    Corrupção causou 66 dos casos de expulsão do servidor federal em 2017

    Após polêmica, Cristiane Brasil não assume Ministério do Trabalho

    Maus Caminhos: CGU identifica repasse de mais de R$ 88 milhões do Fundeb

    Comentários