Fonte: OpenWeather

    Combate


    Amazonas recebe reforço para combate à malária

    Em parceria com o Ministério da Saúde, o governador se reúne com prefeitos do interior nesta terça

    Estima-se que sejam investidos cerca de R$ 3 milhões em recursos no programa de controle da malária
    Estima-se que sejam investidos cerca de R$ 3 milhões em recursos no programa de controle da malária | Foto: Divulgação


    Manaus - Visando o reforço das ações de combate à malária no estado, o governador Amazonino Mendes (PDT) entrega, na manhã desta terça-feira (6), veículos e embarcações para 21 municípios do interior. O evento acontece a partir das 10h, no Centro de Convenções do Amazonas (CCA) Vasco Vasques, zona Centro-Oeste de Manaus, e deve contar com a presença de, pelo menos, 25 prefeitos do interior.

    A entrega desses equipamentos soma-se a outras ações implementadas pela atual administração da Secretaria de Estado de Saúde (Susam) para conter o avanço dos casos de malária, que cresceram ano passado.

    Leia também: Jocione Souza vence eleição suplementar em Novo Aripuanã

    A parceria com o Ministério da Saúde, que contempla o Programa de Controle da Malária e Dengue, também está focada na erradicação do tipo Falcíparum da malária, considerado o de maior gravidade, apesar de menos incidente.

    Estima-se que sejam investidos cerca de R$ 3 milhões em recursos no programa de controle.

    A entrega desses equipamentos soma-se a outras ações implementadas  para conter o avanço dos casos de malária
    A entrega desses equipamentos soma-se a outras ações implementadas para conter o avanço dos casos de malária | Foto: Divulgação


    Eleições 2018

    Principal nome do PDT no Amazonas, partido no qual é presidente de honra, Amazonino é a aposta da sigla para o Poder Executivo nas eleições de 2018. Durante encontro com a militância em janeiro deste ano, o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, afirmou que o objetivo dos pedetistas é reeleger o atual governador e está confiante de que o mesmo aceitará o convite para a disputa.

    Na ocasião, o presidente estadual da sigla, Hissa Abrahão, disse que atualmente o foco de Amazonino está voltado para a atual gestão, iniciada em outubro do ano passado.

    Amazonino Mendes ainda não se pronunciou sobre a releição
    Amazonino Mendes ainda não se pronunciou sobre a releição | Foto: Janailton Falcão


    "É claro que o tempo do governador é um, o de gerir, executar e administrar. O tempo do partido é outro, é o de insistir para que ele venha para a reeleição", disse. Até o momento, Amazonino ainda não se pronunciou sobre o assunto.

    No ano passado, o PDT alcançou o maior número de novas filiações entre os partidos presentes no Estado, atingindo um total de 343 novos membros. Esses números são resultados da eleição suplementar que elegeu Amazonino Mendes governador. Além disso, fatores como a história, a ideologia e a adesão ao projeto nacional do partido, que projeta a candidatura de Ciro Gomes à presidência da República, contribuíram para esse saldo.

    Edição: Bruna Souza

    Leia mais:

    Reforma da Previdência não atingirá quem ganha até R$ 5 mil, diz Temer

    MPF investiga Cristiane por associação ao tráfico

    Câmara abre ano legislativo com Mensagem do prefeito na terça (6)

    Comentários