Fonte: OpenWeather

    Eleições 2018


    David Almeida oficializa pré-candidatura ao Governo do Amazonas

    Evento ocorreu na tarde desta quinta-feira (7) e reuniu lideranças do PSB, sigla de David, e outros partidos.

    Manaus - Com frases de impacto e entusiasmo, o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), David Almeida (PSB), foi o primeiro postulante a lançar oficialmente pré-candidatura ao governo do Estado. O evento foi realizado na tarde de ontem (7), na casa do deputado, localizada no bairro Morro da Liberdade, e teve a presença de dirigentes e militantes do PSB, além da participação de lideranças partidárias que costuram uma possível aliança com a legenda de David.

    Em seu discurso, o agora pré-candidato afirmou que a campanha será pautada na conduta e trajetória construídas durante o governo interino, que durou quatro meses e meio, em 2017, e na preocupação com as pessoas. "Minha gestão zerou filas de cirurgias, pagou o maior abono salarial da história da educação do estado, asfaltou mais de 450 quilômetros de estrada e tirou o Amazonas da crise. É nisso que vamos pautar a campanha", disse.

    Lançamento da pré-candidatura a governador de David Almeida
    Lançamento da pré-candidatura a governador de David Almeida | Foto: Janailton Falcão

    Ainda sem um nome cotado para o ocupar o cargo de vice-governador na disputa, David destacou que a estruturação da campanha está sendo feita por etapas: primeiro a filiação ao Partido Socialista Brasileiro (PSB), seguido pelo anúncio da pré-candidatura e, por fim, as composições de chapa.

    Ele informou, ainda, que partidos como Patriotas, Avante e Podemos serão seus aliados nas eleições deste ano. No evento, estavam presentes o deputado e presidente de honra do PSB, Serafim Corrêa, o deputado Sabá Reis (PR) o ex-vereador Massami Miki (Pros) e o deputado Abdala Fraxe (Podemos).

    Lançamento da pré-candidatura a governador de David Almeida
    Lançamento da pré-candidatura a governador de David Almeida | Foto: Janailton Falcão

    Entre os principais pontos apresentados pelo deputado, destaca-se a segurança pública. Para David Almeida, a solução está em, simplesmente, aplicar investimentos na área. Ele criticou, o contrato assinado entre o governador Amazonino Mendes (PDT) e o ex-prefeito de Nova Iorque, Rudolph Giulianni, para a implantação de ações de redução da criminalidade no Amazonas.

    “Segurança Pública se faz com aumento do efetivo e concurso. Não é preciso recorrer a ninguém de fora para resolver isso. É necessário Investir em inteligência, equipamento e efetivo”, afirmou.

    Aliança com Rebecca

    Questionado se aliança construída com a ex-superintendente da Suframa, Rebecca Garcia, na eleição suplementar do ano passado, foi rompida, David explicou que a aproximação dela com o partido de Amazonino Mendes, inviabilizou a união para este ano.

    “Houve uma ruptura no acordo que tínhamos de lutar contra a oligarquia. Acredito que ela já não tem mais a força necessária para decidir se pode ou não caminhar conosco, mas espero que ela possa cumprir o acordo”, afirmou.

    Confiante quanto a disputa, o postulante ao governo do Amazonas acredita que a experiência obtida durante os quatro meses e meio no governo interino do Estado o preparou para esse momento. “Sinto-me útil para o povo do Amazonas. Não vou fugir do desafio de colocar meu nome à disposição para o povo escolher uma alternativa para o governo. Essa é uma eleição de sentimento, das pessoas contra o dinheiro”, completou.

    Leia mais:

    Esquerda dialoga para construir blocão em eleições no Amazonas

    Em encontro na Aleam, partido traz a Manaus o japonês da Federal

    Bancada amazonense sem solução sobre IPI em Polo de Concentrados


    Comentários