Fonte: OpenWeather

    EMISSÃO E RENOVAÇÃO


    Mayara pede serviço remoto para a segunda via da CNH, no Amazonas

    Deputada dos Progressistas explicou que o procedimento já é realizado em outros estados como São Paulo

    Mayara Pinheiro diz que medida vai garantir mais eficiência ao serviço do Detran-AM
    Mayara Pinheiro diz que medida vai garantir mais eficiência ao serviço do Detran-AM | Foto: Divulgação

    Manaus - A deputada Mayara Pinheiro (Progressistas) apresentou um Indicativo ao Governo do Amazonas solicitando que a renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e a emissão de segunda via do documento, emitido pelo Detran-AM, seja feita de forma remota (pela internet), sem precisar ir à unidade de atendimento.

    No pedido, a parlamentar explicou que o procedimento já é realizado em outros estados como São Paulo e que não há nenhum prejuízo em realizar parte das etapas necessárias à distância.

    “Além de valorizar o tempo do cidadão [e] facilitar que ele esteja com o documento dentro da validade, a medida significa o aumento da eficiência do Estado na emissão dos documentos. A desburocratização significa evitar que milhares de pessoas sejam obrigadas a se deslocar desnecessariamente ao posto do Detran-AM. A proposta também resulta em benefício para a Saúde Pública”, justificou.

    A solicitação e os agendamentos serão remotos sendo mantidos, de forma presencial, os exames de aptidão física e mental nos postos indicados pelo sistema, em caso de renovação da CNH.

    Situação regular

    Serão contemplados com o serviço somente motoristas das categorias A, B e AB que atendam os seguintes critérios: Ter habilitação com foto e em situação regular; possuir habilitação vencida ou a 30 dias do vencimento; não solicitar nenhuma alteração de dados (inclusão ou exclusão); não ter processo de transferência ou renovação de CNH em andamento.

    Caso seja necessária à coleta de uma nova foto ou biometria, o serviço deverá ser solicitado pessoalmente. O Indicativo prevê ainda que o condutor também poderá optar por receber o documento na sua residência em até 7 dias úteis, mediante o pagamento de uma taxa estipulada para entrega.


    *Com informações da assessoria

    Comentários