Fonte: OpenWeather

    Tragédia


    Borracheiro morre eletrocutado na Zona Norte de Manaus

    Raimundo Nonato, 54, estava passando pela calçada quando encostou no fio com mais de 13 mil volts

     

    Nonato foi incinerado em segundos
    Nonato foi incinerado em segundos | Foto: Vanessa Lemes

    Manaus - Um homem morreu eletrocutado no início da tarde deste domingo (14)  após encostar no fio de alta voltagem na Avenida 7 de maio, no bairro Santa Etelvina, Zona Norte de Manaus. Segundo testemunhas, o fio de quase 100 metros se rompeu por volta das 11h45 e  os moradores aguardavam a empresa de companhia elétrica chegar para resolver o problema.

    Conhecido como Piauí pelos vizinhos, o borracheiro Raimundo Nonato, 54, estava bebendo e passava pelo local, rumo à sua residência, quando encostou em fio de alta tensão, que estava no chão desde às 11h45.

    Um vizinho, que preferiu não se identificar, disse que tudo aconteceu muito rápido. "Eu estava indo na loja, passei pelo Piauí sentado na borracharia, quando retornei, cinco minutos depois, ele estava sendo eletrocutado no outro lado da avenida, em frente à borracharia", lamenta.

     

    A Amazonas Energia chegou ao local para reparar o fio após a tragédia
    A Amazonas Energia chegou ao local para reparar o fio após a tragédia | Foto: Vanessa Lemes

    A companhia elétrica Amazonas Energia chegou a local para fazer os reparos da fiação. De acordo com um técnico, Nonato recebeu uma descarga de mais de 13 mil volts. O homem deixa esposa e três filhos. 


    Leia mais:

    Pai e filha morrem eletrocutados durante manutenção de antena no AM

    Vídeo: Confira o momento em que homem morre após ser atingido por raio

    Ao tentar salvar cachorro, homem morre eletrocutado no Porto de Manaus


    Comentários