Fonte: OpenWeather

    Imunização


    Campanha de Vacinação contra Influenza começa nesta segunda-feira (12)

    Nesta primeira fase, a prefeitura irá imunizar crianças na faixa etária de seis meses a menores de dois anos

     

    Nesta primeira fase, a prefeitura irá imunizar crianças na faixa etária de seis meses a menores de dois anos
    Nesta primeira fase, a prefeitura irá imunizar crianças na faixa etária de seis meses a menores de dois anos | Foto: Divulgação

    A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza em Manaus terá início nesta segunda-feira (12) Este ano, o Ministério da Saúde dividiu a campanha em três fases, porque o Instituto Butantan, que produz a vacina, não entregou a totalidade das doses.

    Nesta primeira fase, a prefeitura irá imunizar crianças na faixa etária de seis meses a menores de dois anos, gestantes e puérperas (mães no pós-parto até 45 dias). Para receber esse público, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) preparou 171 salas de vacina em unidades da rede municipal. A previsão é que todas as fases estejam concluídas no dia 9/7.

    O prefeito de Manaus, David Almeida, salienta que a campanha contra a Influenza ocorrerá de forma simultânea com a vacinação contra a Covid-19.

    “Teremos duas campanhas de vacinação acontecendo ao mesmo tempo, mas a população pode ficar tranquila. A área técnica da Semsa organizou os atendimentos de forma a facilitar o acesso de quem deve receber a vacina. Em nossos canais oficiais como site e redes sociais, é possível consultar todas as informações como endereços, horários e quais documentos apresentar em cada uma das situações”, tranquiliza David, lembrando que à medida em que a prefeitura for recebendo doses, irá avançando nos grupos, nas duas campanhas.

    Grupos

    Para a primeira fase da campanha da Influenza, a Semsa recebeu pouco mais de 90 mil doses da vacina, que garantirão a imunização desses três grupos: crianças de seis meses a menores de dois anos, gestantes e puérperas. A previsão é que sejam imunizadas 642.003 pessoas de 17 grupos prioritários, incluindo os três que começarão a receber a vacina nesta segunda-feira.

    Para a vacina contra a Influenza, as pessoas dos grupos prioritários deverão procurar uma das salas da Semsa, levando o cartão de vacinação. O calendário para a imunização dos outros dois grupos será divulgado de acordo com o cronograma de entrega de doses pelo Ministério da Saúde. Os endereços das salas estão no link https://semsa.manaus.am.gov.br/programa-de-imunizacoes/salas-de-vacina/. O horário de funcionamento das salas é das 8h às 17h, em dias úteis.

    Para evitar o risco de contaminação pelo novo coronavírus, todas as salas foram organizadas de acordo com os protocolos de segurança. A orientação é que todos usem máscaras, que gestantes e puérperas mantenham o distanciamento e façam a higienização das mãos, utilizando álcool em gel a 70%, e que apenas um responsável acompanhe a criança a ser vacinada.

    “Pedimos às pessoas desses três grupos, que se dirijam às salas para receber a vacina com tranquilidade. Não é necessário correria. Para o público-alvo dos outros 14 grupos, nossa orientação é para que aguardem a chegada das próximas remessas.

    Não adianta ir às salas, porque não poderão receber, ainda, a vacina contra a gripe. Isso só acontecerá quando chegarem mais doses”, alerta a secretária interina da Semsa, Aline Rosa Martins. Ela explica, ainda, que caso a pessoa faça parte do público-alvo para as duas vacinas, a prioridade, neste momento de pandemia, deve ser pela aplicação da vacina contra Covid-19, aguardando um período de 14 dias para imunização contra a Influenza.

    Os grupos prioritários para receber a vacina contra a gripe são, além das crianças na faixa etária de seis meses a menores de seis anos; gestantes e puérperas, os povos indígenas; trabalhadores da saúde; idosos com 60 anos ou mais; professores das escolas públicas e privadas; pessoas com comorbidades; pessoas com deficiências permanentes; caminhoneiros; trabalhadores do transporte coletivo; trabalhadores portuários; forças de segurança e salvamento; Forças Armadas; funcionários do sistema prisional; população privada de liberdade; e adolescentes sob medidas socioeducativas.

    *Com informações da assessoria

    Leia Mais:

    Vídeo: Acidente deixa motorista ferido e veículo destruído em Manaus

    Sepror lança programa “Tambaqui Plus" junto à prefeitura de Figueiredo

    Dia do Infectologista: atuação ganha destaque na luta contra a Covid

    Comentários