Fonte: OpenWeather

    Prosamin


    Imóveis na Cachoeirinha são desapropriados para obras do Prosamim

    No local, será construído o Parque das Águas, que vai proteger as duas nascentes da área Cabeceira do Igarapé de Manaus

    Nessa primeira fase, serão 42 imóveis identificados para desapropriação | Foto: Divulgação

    Manaus- A Superintendência Estadual de Habitação (Suhab), junto com a  Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), iniciaram na quinta-feira (11) uma força-tarefa para agilizar o processo  de mobilização em campo para reassentamento dos moradores na rua Barcelos, bairro Cachoeirinha, que  integram as obras do Programa Socioambiental dos Igarapés de Manaus-Prosamim.

    No local, será construído o Parque das Águas, que vai proteger as duas nascentes da área Cabeceira do Igarapé de Manaus, que estão preservadas.

    Nessa primeira fase, serão 42 imóveis identificados para  desapropriação. Dentro da programação do Prosamim, os profissionais da Suhab e UGPE vão trabalhar numa força-tarefa para dar celeridade à formalização dos processos de desapropriação. Com isso, a área estará apta para execução de obras do Parque das Águas.

    Após concluído esse trabalho e assinada a Ordem de Serviço (OS), a empresa tem 120 dias para a construção do Parque. A estimativa é que esse trabalho seja realizado em até 45 dias.

    O trabalho da equipe consiste em levantamento fotográfico e medição de área para compor a memória técnica e para elaboração de laudo de avaliação dos imóveis, para posterior pagamento de benefício.

    O setor Social  faz o cadastramento das famílias com abertura de processo, a coleta de documentação e o acompanhamento das famílias até a mudança do imóvel. 

    Para Roberto Benício, 66 anos, residente do local desde que tem 1 ano de idade e proprietário de um dos imóveis que será desapropriado, acredita que a obra vai beneficiar a cidade. “Praticamente nasci aqui, mas ir morar em outro lugar depois de todos esses anos não é problema. A obra vai proteger mais ainda essas nascentes, que estão puras e, é isso que importa”, disse o morador.

    Leia mais: 

    Mais de 80 obras estão paralisadas no AM, aponta relatório do TCE

    Prosamim Cajual recebe Colônia de Férias com atividades gratuitas

    Seinfra retoma obras da UEA em Tefé

    Comentários