Fonte: OpenWeather

    Hospital


    Hospital João Lúcio recebe melhorias, diz governo

    O Hospital e Pronto-socorro João Lúcio Machado, na zona leste de Manaus está recebendo obras de reparos para melhorar o atendimento aos usuários. As informações são da assessoria.

    Na primeira etapa, estão sendo feitos reparos de todo o terceiro andar do hospital, que comporta 40 leitos neurocirúrgicos | Foto: Divulgação

    Na primeira etapa, estão sendo feitos reparos de todo o terceiro andar do hospital, que comporta 40 leitos neurocirúrgicos
    Na primeira etapa, estão sendo feitos reparos de todo o terceiro andar do hospital, que comporta 40 leitos neurocirúrgicos | Foto: Divulgação

    Manaus - O Hospital e Pronto-socorro João Lúcio Machado, na zona leste de Manaus está recebendo obras de reparos para melhorar o atendimento aos usuários. As informações são da assessoria.

    Um dos maiores prontos-socorros do Amazonas, o hospital é referência entre as unidades da Secretaria de Estado de Saúde (Susam) na realização de microcirurgias intracranianas para a retirada de tumores no cérebro. Atende 290 pacientes por dia, 8,7 mil/mês, dentre os quais, traumatismo de crânio, infarto e Acidente Vascular Cerebral (AVC).

    A meta, conforme explicou o diretor da unidade, Silvio Romano, é fazer reparos menos complexos no piso, paredes, portas e banheiros, com otimização de recursos, que proporcionam maior funcionalidade aos espaços, além de aumentar o acolhimento dos pacientes.

    Na primeira etapa, estão sendo feitos reparos de todo o terceiro andar do hospital, que comporta 40 leitos neurocirúrgicos. Mas o diretor esclarece que todas as enfermarias, com 277 leitos, receberão melhorias. 

    Silvio Romano, que assumiu a unidade há pouco mais de um mês, afirma que todo o orçamento do hospital está sendo baseado em uma gestão responsável.

    “Não tem dinheiro para fazer grande reforma, neste momento, até porque não foi previsto no orçamento ano passado, mas eu recebo um orçamento de R$ 45 mil para manutenção mensal e este recurso vem sendo usado para melhoramos os ambientes. A ideia é fazer a recuperação das enfermarias utilizando o menor recurso possível e colocá-la em condições de ser bem utilizada, oferecendo um conforto maior”, disse o diretor. 

    O gestor lembrou que a equipe está fazendo a reestruturação da rede de ar-condicionado, para solucionar os vazamentos nas enfermarias. Além disso, a troca dos pisos e dos revestimentos nos banheiros, e a pintura, dão uma nova cara ao ambiente. 

    Após sofrer um AVC, no último dia 26 de maio, Manoel Gomes de 71 anos e a esposa dele Rita Gomes, 64, sua acompanhante, elogiaram o tratamento recebido na unidade. “Ele veio para cá todo torto, com AVC, pensei que ele ia morrer. Graças a Deus e à equipe desse hospital, ele foi bem cuidado, nesses 11 dias. Gostei muito do atendimento médico, dos enfermeiros. Eles salvaram a vida do meu marido", disse a esposa.

    Leia mais:

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Disfunção erétil: como a má alimentação e sedentarismo afetam a ereção





    Comentários