Fonte: OpenWeather

    Biblioterapia


    Projeto usa leitura para auxiliar tratamento dos pacientes da FCecon

    A iniciativa é da Biblioteca do Instituto Federal do Amazonas (Ifam) que já coleta livros e gibis que serão usados no projeto

    A proposta do projeto é realizar atividades de leitura, auxiliando no processo de tratamento de pacientes com câncer por meio do uso terapêutico da leitura | Foto: Divulgação

    Manaus - “Nem todo herói usa capa, alguns leem livros”. Esse é o nome do projeto que vai levar leitura e diversão para auxiliar no processo de tratamento de pacientes com câncer da Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon). A iniciativa é da Biblioteca do Instituto Federal do Amazonas (Ifam) - Campus Manaus Zona Leste que já coleta livros e gibis que serão usados no projeto. 

    O projeto de extensão voluntário, coordenado pelo bibliotecário-documentalista do Ifam - Campus Manaus Zona Leste, Diego Leonardo Fonseca, é multidisciplinar, envolvendo profissionais e alunos de áreas como Enfermagem, Biblioteconomia, Medicina e Pedagogia. Atualmente, a iniciativa já soma 75 voluntários. 

    A proposta do projeto é realizar atividades de leitura, auxiliando no processo de tratamento de pacientes com câncer por meio do uso terapêutico da leitura, a Biblioterapia, e do desenvolvimento de atividades lúdico-pedagógicas. 

    Serão realizadas leitura nos leitos, com os acompanhantes, nas recepções da FCecon e no Serviço de Quimioterapia. A proposta é de realizar rodas de leituras e contação de histórias com os pacientes. Gincanas e dinâmicas com músicas também estão entre as atividades. “Tanto atendendo os pacientes internados quanto os familiares dos pacientes. O objetivo é trazer bem-estar e qualidade de vida aliando o incentivo à leitura”, explica Diego Leonardo. 

    Segundo o coordenador do projeto, a leitura é uma atividade que age diretamente na melhoria do bem-estar, colaborando para o ajuste emocional e a estabilidade psicológica. “O projeto vai trazer aos pacientes a experiência de melhoria da sua condição física e psicológica por meio da leitura e do lúdico, propiciando assim um espaço mais agradável durante o seu processo de tratamento”, destaca. 

    Pioneirismo

    O projeto é realizado pela primeira vez um ambiente hospitalar e, de acordo com o autor do projeto, é o único que está sendo desenvolvido com essas características em um hospital de tratamento de câncer no Amazonas. 

    “Ele será implementado pela primeira vez, sendo considerado um projeto-piloto, que buscará aliar educação, cultura e saúde: o uso terapêutico da leitura juntamente com a melhoria no tratamento do câncer”, explica Diego Leonardo. 

    Campanha 

    Já estão sendo recebidos os exemplares, que podem ser livros infantis, livros de literatura brasileira infantil ou internacional com tradução, gibis e histórias em quadrinhos. A meta é coletar 300 exemplares. 

    Há cinco pontos de coleta, onde os interessados podem fazer as doações: Biblioteca do Ifam - Campus Manaus Zona Leste; Biblioteca Pública do Amazonas; Biblioteca Anhanguera Educacional (Polo Sumaúma Park Shopping); Biblioteca da FCecon; e Biblioteca Setorial do Setor Norte da Universidade Federal do Amazonas (Ufam). 

    Treinamento

    Os voluntários passaram, nesta segunda-feira (1º), por um treinamento sobre biossegurança e higiene no ambiente hospitalar. “É um workshop para falar da higienização das mãos, da vestimenta, dos acessórios, do que pode ou não ser usado no ambiente do hospital, justamente porque o projeto vai estar nas recepções, Quimioterapia e nos leitos das enfermarias”, explicou a bibliotecária da FCecon, Cibele Menezes. 

    O projeto buscará a interação indireta, sem contato físico ou de qualquer dinâmica de movimentação com pacientes debilitados. Mas os cuidados são necessários, já que muitos dos voluntários nunca desenvolveram atividades em um ambiente hospitalar. 

    Após a coleta, os livros passarão por higienização feita por uma equipe do Ifam, para então serem utilizados nas dependências da FCecon. 

    Estimativa é iniciar as atividades na segunda quinzena de julho deste ano.

    *Com informações da assessoria

    Leia Mais 

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Oficina de reaproveitamento de resíduos ensina como decorar garrafas

    Estudantes realizam ação ambiental com lixeiras em terminal de ônibus


    Comentários