Fonte: OpenWeather

    Reinauguração


    Bosque da Ciência reabre para visitação pública neste sábado (13)

    O evento ocorreu na manhã deste sábado, e contou com presença do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto. O prefeito falou do desejo da prefeitura em assumir a manutenção do Bosque

    Prefeito Arthur Neto, durante cerimonia de reabertura do Bosque da Ciência
    Prefeito Arthur Neto, durante cerimonia de reabertura do Bosque da Ciência | Foto: George Dantas

    Manaus - Após ser fechado para a visitação pública no início da semana, a Prefeitura de Manaus realizou a cerimonia de reinauguração do Bosque da Ciência, na manhã deste sábado (13). O espaço, administrado pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), está localizado na avenida Bem-Te-Vi (antiga Rua Otávio Cabral), s/n, Petrópolis, anexo à sede do Instituto, na Zona Centro-Sul da capital amazonense.

    Durante o evento, Arthur Neto realizou a assinatura do Termo de Cooperação Técnica, que garante a manutenção do Bosque da Ciência nos próximos meses. O parque foi fechado para a visitação pública no início desta semana, por não dispor de recursos para a manutenção do funcionamento.

    A cooperação técnica foi acertada desde a última quarta-feira (10), quando o prefeito assinou uma Carta de Intenção para as ações emergenciais, tornando possível manter aberto o espaço. Agora o local contará com estagiários e bolsistas cedidos pelo município para recepcionar os visitantes, entre outras atividades.

    O evento também contou com a exposição da obra “Confluência - Festival de Arte e Ciência”, com o início da exposição “Irreversível”, no Paiol da Cultura, da artista Renata Padovan, com curadoria de Lilian Fraiji, e que terá uma apresentação do cientista Philip Fearnside sobre a catástrofe de Balbina.

    Prefeito

    No local, Arthur garantiu que enquanto ele for prefeito, o Bosque da Ciência terá a manutenção garantida. ''Garantimos inicialmente por três meses, renováveis por mais três e, em enquanto eu for prefeito, renovaremos quantas vezes precisar'', disse Arthur.

    O prefeito reafirmou seu compromisso com o fornecimento de verbas para áreas de extrema importância na capital. ''Nunca cortarei gastos de coisas essenciais, que trazem retorno para Manaus. Corto dos fornecedores, ou de onde for, mas nunca cortaria de incentivos a pesquisa'', comentou Arthur.

    De acordo com o termo de cooperação, a prefeitura afirmou o compromisso com a manutenção do local. ''Realizaremos reformas dentro do local, hoje necessárias, tais como uma melhor iluminação. Não posso cruzar os braços para isso. Quem quiser cruzar, que cruze'', declarou Neto.

    O prefeito finalizou informando o desejo da prefeitura em assumir a manutenção do Bosque. ''Se o Governo Federal quisesse municipalizar o INPA, assumiríamos sem nenhum problema, estamos à disposição. Poderíamos realizar o funcionamento do Bosque sem nenhum problema, de uma maneira melhor que vem ocorrendo atualmente'', finalizou ele.

    Leia Mais

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!:

    Saiba como evitar golpes ao alugar imóvel na temporada

    Moradores do conjunto Águas Claras cobram melhorias na infraestrutura

    Comentários