Fonte: OpenWeather

    Educação


    Vídeo: Sinteam diz ter sido intimidado por policiais rodoviários

    Durante coletiva de imprensa nesta quarta-feira (24), Sinteam afirmou que irá entrar com pedido de abertura de inquérito para investigação da conduta de policiais rodoviários federais, que os professores, invadiram a sede do sindicato na última terça (23), em Manaus

     

    Professores durante interrogatório realizado pela PRF
    Professores durante interrogatório realizado pela PRF | Foto: Reprodução

    Manaus - O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado do Amazonas (Sinteam) informou, nesta quarta-feira (24), que vai ao Ministério Público Federal nesta quinta (25) para uma reunião com o Procurador Geral da República Henrique Lopes para dar prosseguimento ao inquérito que vai investigar a “visita” de policiais rodoviários federais (PRF) à sede do sindicato, na tarde da última terça (23).

    Ontem, três agentes federais foram ao sindicato questionar membros de movimentos sociais, que reuniam, sobre manifestações contra o presidente Jair Bolsonaro, que estará em Manaus amanhã.

    Várias entidades emitiram nota de apoio ao Sinteam e de repúdio à tentativa de intimidação por parte da PRF. Entre elas, a Confederação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica das Redes Públicas Estadual e Municipais do Maranhão (Sinproesemma), Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC), PSOL, PT, Advogados Progressistas e senadores. 

    “Foi uma clara tentativa de intimidação. No momento que vivemos, com o governo que está aí, a presença da polícia dentro de uma entidade sindical é uma óbvia intimidação. Mostra que a nossa democracia está por um fio", declarou a presidente do Sinteam, Ana Cristina Rodrigues. 

    Segundo ela, a intenção é aproveitar a passagem de Bolsonaro por Manaus, que ele visita pela primeira vez na condição de presidente da República, para fazer uma manifestação pacífica em defesa da Amazônia e da Zona Franca de Manaus, duramente atacadas durante seu governo.

    *Com informações da assessoria

    Assista a reportagem da TV Em Tempo:

    Assista a reportagem | Autor: Bárbara Mitoso/ TV Em Tempo
     

    Leia mais:

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!:

    Professores cobram investigação por invasão de PRF em reunião no AM

    Feto é encontrado em cenário de ritual religioso no Tarumã, em Manaus


    Comentários