Fonte: OpenWeather

    Saúde


    Profissionais de saúde recebem qualificação para teste de pezinho

    O objetivo é aumentar o número de profissionais qualificados nas unidades de saúde para que a coleta de material seja ampliada

    140 profissionais de saúde de 35 municípios devem participar da primeira turma de qualificação | Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde

    Manaus - Inicia na segunda-feira (29), uma qualificação na área de Triagem Neonatal, direcionada ao teste do pezinho. A ação é voltada para os profissionais das Unidades Básicas de Saúde (UBS) da capital do Amazonas, Centros de Atenção Integral à Criança (Caic) e maternidades  de 62 municípios do Estado, promovido pela Secretaria de Estado de Saúde (Susam).

    O objetivo é aumentar o número de profissionais qualificados nas unidades de saúde para que a coleta de material seja ampliada e descentralizada dentro dos municípios, facilitando o acesso das mães e recém-nascidos ao teste do pezinho.

    O primeiro treinamento será realizado na segunda-feira (29) e na terça-feira (30), na Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (FHemoam), com a participação de 140 profissionais de saúde de 35 municípios. As enfermeiras Cleomirtes Sales e Cilícia Aquino, e a bioquímica Lilian Wallace Moreira, irão ministrar o treinamento para os participantes com aulas praticas e teóricas.

    Profissionais dos municípios

    Neste primeiro treinamento, serão qualificados profissionais de Boca do Acre, Pauini, Lábrea, Tapauá, Manacapuru, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, Iranduba, Caapiranga, Anamã, Manaquiri, Careiro Castanho, Careiro da Várzea, Novo Airão, Carauari, Itamarati, Envira, Ipixuna, Canutama, Anori, Juruá, Eirunepé, Guajará, Borba, Nova Olinda do Norte, Barcelos, Santa Isabel do Rio Negro, São Gabriel da Cachoeira, Beruri, Coari, Manicoré, Apuí, Codajás, Humaitá e Manaus.

    As secretarias de saúde de cada município inscreveram dois técnicos de enfermagem, um enfermeiro e um médico, e ficaram responsáveis pelo deslocamento dos profissionais dos municípios para Manaus.

    Programação 

    Os próximos treinamentos acontecem em agosto, setembro e outubro, com aulas em polos de Tabatinga, Itacoatiara, Parintins e Tefé.

    Nos dias 12 e 13 de agosto, o treinamento acontece em Tabatinga, para profissionais do município e dos municípios de Atalaia do Norte, Benjamin Constant, Amaturá, Santo Antônio do Içá, São Paulo de Olivença, Tonantins e Jutaí.

    Nos dias 26 e 27 de agosto, os profissionais de saúde de Itacoatiara e dos municípios de Urucará, Itapiranga, São Sebastião do Uatumã, Silves, Urucurituba e Maués passam por treinamento. A qualificação acontece no município de Itacoatiara.

    Em setembro, Parintins, Nhamundá, Barreirinha e Boa Vista do Ramos recebem o treinamento nos dias 16 e 17. Já os profissionais de Tefé, Alvarães, Maraã, Uarini, Juruá, Japurá e Fonte Boa passam pela capacitação nos dias 14 e 15 de outubro.

    Sobre o teste do pezinho

    O Sistema Único de Saúde (SUS) oferece gratuitamente o teste do pezinho para seis doenças: doença falciforme, deficiência de biotinidase, fibrose cística, fenilcetonúria, hipotireoidismo congênito e hiperplasia adrenal congênita. São doenças que não apresentam evidências clínicas no nascimento e que podem levar a deficiências mentais ou sequelas graves à criança, se não forem tratadas.

    O teste deve ser realizado entre o terceiro e quinto dia após o nascimento. No Amazonas, todas as maternidades do estado e município estão aptas a realizar o exame. Nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e nos Centros de Atenção Integral à Criança e ao Adolescente (CAICs) o teste é feito até o dia 28º dia. Após esse período, o teste é realizado apenas na Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam).

    *Com informações da assessoria

    Leia Mais

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Acordo de cooperação garante capacitação dos servidores da Saúde

    Paciente do HPS João Lúcio procura por familiares há quase uma semana

    Comentários