Fonte: OpenWeather

    Zona Leste


    Projeto Atroari leva jiu-jitsu e luta livre para crianças e jovens

    Aproximadamente 30 alunos são atendidas no projeto

    Os atletas estão treinando para a próxima competição | Foto: Divulgação/SSP-AM

    Manaus- Com o objetivo de levar disciplina por meio do jiu-jitsu e da luta livre, além de resguardar crianças e jovens em condições de vulnerabilidade social das mazelas das drogas e da violência, a 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) desenvolve o projeto “Atroari” desde setembro de 2017, em parceria com o Serviço Social do Transporte e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Sest/Senat).

    O projeto atende aproximadamente 30 alunos na faixa etária entre 6 e 12 anos de idade e alguns associados do Sest/Senat, que trabalham no transporte, tendo como instrutor o cabo D. Alan.

    “(O projeto) é desenvolvido desde início pelo nosso policial militar que é mestre, faixa preta em jiu-jitsu. Com muito esforço e dedicação, vem conciliando a atividade policial com as aulas. Com isso, muitas crianças que já passaram pelo projeto nos últimos anos tiveram a sua realidade de vida modificada para melhor”, disse o comandante da 30ª Cicom, major Daniel Segadilha.

    Conforme o cabo D. Alan, que também é bacharel em Educação Física, todos os alunos são competidores e premiados. “Todos eles lutam diversos campeonatos, nas mais diversas federações, tanto de jiu-jitsu quanto de luta livre, e todos são campeões. Uns com mais destaque e outros com menos, mas todos já foram campeões”, orgulha-se.

    O instrutor explica que os atletas estão treinando para a próxima competição de luta livre, a Copa Brunocilla, que ocorre no dia 1º de setembro, no Ginásio Ninimberg Guerra, no bairro São Jorge, Zona Oeste de Manaus. A entrada é mediante a doação de 1 quilo de alimento não perecível.

    “E o ritmo de treino é esse. Estamos voando para representar da melhor maneira o CPA Leste, a 30ª Cicom e a Polícia Militar como um todo”, afirma o instrutor.

    Último evento

    No último dia (3) de agosto, nove atletas do projeto Atroari participaram da Copa dos Campeões de Jiu-Jitsu Esportivo. A delegação conquistou seis medalhas de ouro, uma de prata e duas de bronze.

    Onde funciona

    O projeto acontece no Sest/Senat, localizado na avenida Autaz Mirim, bairro Jorge Teixeira, Zona Leste da capital, a partir das 13h30 até as 17h30, de segunda-feira a sexta-feira.

    Comentários