Fonte: OpenWeather

    Crime ambiental


    Vídeo: madeireira de Humaitá é multada em R$ 2 milhões, no Amazonas

    O local foi lacrado por não cumprir cinco licenças

    Assista a reportagem | Autor: Gabriela Moreno/ TV Em Tempo

    Manaus- O Comando de Controle de Combate às Queimadas e desmatamento ilegal descobriu uma serraria, que produzia carvão de forma ilegal em Humaitá (590 km de Manaus), município do sul do Estado do Amazonas, nesta quarta-feira (4). O responsável foi multado em R$ 2 milhões e 600 mil reais.

    Segundo o Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), pelo mais de 800 toras de madeiras estavam no patio e foram apreendidas. O local foi lacrado por não cumprir cinco licenças. A empresa fica localizada às margens da BR-319 (Transamazônica), na comunidade Realidade, local marcado por conflitos por extração ilegal de madeiras e grilagem de terra. 

    Operação Curuquetê

    A operação reforça o combate ao desmatamento ilegal e queimadas no sul do Amazonas e conta com a ação em conjunto do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema), com Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), órgãos da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) e Defesa Civil do Amazonas, com o apoio da Polícia Federal e do Exército Brasileiro. 

    Assista à reportagem da TV Em Tempo:

    Assista a reportagem | Autor: Gabriela Moreno/ TV Em Tempo
     

    Texto Web: Bruna Oliveira 


    Comentários