Fonte: OpenWeather

    Denúncia


    Funcionários terceirizados da Susam denunciam demissão sem aviso

    Segundo uma funcionária, a direção do Hospital e Pronto-socorro 28 de Agosto dispensou funcionários sem aviso prévio

    Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto.
    Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto. | Foto: Divulgação

    Manaus (AM)- Funcionários terceirizados que trabalham no Hospital e Pronto-socorro 28 de Agosto (Avenida Mário Ypiranga, bairro Adrianópolis, zona Centro-sul), denunciaram que foram demitidos sem notificação prévia pela Secretaria de Estado de Saúde (Susam). Segundo a denúncia, os 52 funcionários foram dispensados e substituídos por profissionais sem experiência e nem capacitação. 

    De acordo com uma das funcionárias, que preferiu não se identificar, eles foram demitidos no último dia 29. 

    "Os funcionários foram dispensados sem nenhum aviso. Estamos parados sem nenhuma posição da administração. Pessoas inexperientes estão assumindo o controle agora. A direção está colocando gente conhecida para os cargos. Não sabemos se vamos receber ou se vamos retornar à ativa," disse a denunciante.

    Administração

    Questionada sobre a denúncia sobre a dispensa de 52 funcionários terceirizados sem aviso prévio, a direção do Hospital e Pronto-socorro 28 de Agosto esclarece que trata-se do fim do contrato de 90 dias para a prestação de serviços de apoio administrativo na unidade. No ato da contratação já estava determinado o período de duração.

    Comentários