Fonte: OpenWeather

    Imprudência


    Linha de cerol corta pescoço de mulher que pilotava moto em Manaus

    A mulher estava a caminho do trabalho quando sofreu o acidente

    Outros motoristas e moradores da área ajudaram a vítima
    Outros motoristas e moradores da área ajudaram a vítima | Foto: Divulgação

    Manaus - Uma atendente de loja de conveniência, de 38 anos, ficou gravemente ferida no pescoço após ser atingida por uma linha de "papagaio" com cerol. A vítima pilotava uma motocicleta no momento em que o fato aconteceu, nesta quinta-feira (28), na avenida Margarita, bairro Cidade de Deus, Zona Norte de Manaus.

    A mulher estava a caminho do trabalho quando sofreu o acidente. Ela precisou de ajuda para conseguir conter o sangramento enquanto esperava por ambulância para prestar socorro. Nenhum responsável pelo produto que causou o acidente foi localizado.

    Outros motoristas e moradores da área ajudaram a vítima. O fato aconteceu a poucos metros de uma base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Uma testemunha foi até o local e acionou uma equipe, que imediatamente saiu e fez o resgate da motociclista. 

    A vítima foi levada desacordada para o Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo, na Zona Leste, onde passou por procedimentos cirúrgicos e segue internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). 

    A motocicleta da vítima foi deixada na Base do Samu e resgatada na noite desta quinta pelos familiares da atendente. O irmão da vítima contou que ela chegou em estado critico no hospital. 

    "Minha irmã chegou nas mãos de Deus. Ela ainda está em estado grave, mas acreditamos que ela será abençoada e vai se recuperar", contou o homem, que não quis se identificar.  

    Outro caso

    No último domingo (24), uma linha chilena, conhecida popularmente como linha de cerol ou de "papagaio", quase causou um grave acidente no bairro São Raimundo, Zona Oeste de Manaus. O motociclista Douglas Duarte visualizou a linha esticada e conseguiu frear a tempo de evitar o contato maior. Mesmo assim, ele teve um corte no nariz.

    Lei

    A Lei 1.968/2015 proíbe a venda e o uso de cerol para linha de empinar pipa (papagaio de papel) em Manaus. Conforme publicação do Diário Oficial do Município (DOM), está prevista a multa de R$ 83,78, correspondente ao valor atual da Unidade Fiscal do Município de Manaus (UFM),  para cada conjunto de material apreendido, até o limite máximo de R$ 418,90 (20 UFMs), em casos de reincidência. 

    Comentários