Fonte: OpenWeather

    Crime ambiental


    Homem é multado por transportar 110 ovos de tracajá sem licença no AM

    O barco estava saindo do município de Coari a caminho de Manaus, mas o Ibama conseguir deter o homem

    Ele foi multado em R$ 550 mil e deve efetuar o pagamento nos próximos dias | Foto: Divulgação

    Coari - A embarcação Rainha Esthér  foi surpreendida por uma revista da polícia no Porto de Coari. Durante o procedimento, que ocorreu na manhã desta segunda-feira (24), foram encontrados 112 ovos de tracajá. O homem flagrado com os produtos não possuía licença e nem autorização de nenhum órgão competente, por esse motivo ele foi autuado e multado pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente dos Recursos Naturais (Ibama). 

    A identidade do homem não foi revelada e, segundo a polícia, ele não possuía antecedentes criminais. Além de ficar sem os ovos, ele foi multado em R$ 550 mil e deve efetuar o pagamento nos próximos dias. Ele foi encaminhado à Base Arpão onde passou pelos procedimentos cabíveis. 

    Esta missão tem como nome operação Hórus/VIGIA, e age em ação conjunta entre Polícia Militar do Amazonas, Secretaria de Segurança Pública, Polícia Federal, Polícia Civil, Força Nacional, Corpo de Bombeiro Militar e IBAMA. 

    Para não esquecer

    Vale ressaltar que conforme a Lei de Crimes Ambientais nº 9.605/98 é proibido caçar, matar, perseguir, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou embroma migratória, sem devida permissão, licença ou autorização dos órgãos responsáveis. A unidade do ovo estabelece a multa de R$ 5 mil.

    Leia Mais: 

    Homem não supera término e mata atual da ex em Itamarati no AM

    'Friagem' não foi suficiente para os manauaras vestirem seus casacos

    Polícia atira em pneus de ônibus executivo e frustra assalto em Manaus

    Comentários