Fonte: OpenWeather

    Transferência


    235 pacientes com Covid serão levados do AM para outros estados

    Os pacientes estão sendo transferidos em aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) ao longo do dia

     

    | Foto: João Allbert

    Manaus - Até a manhã deste sábado (16), um total de 21 pacientes com Covid-19 do Amazonas foram transferidos para unidades de saúde do Maranhão e Piauí. Por conta de falta de oxigênio nos hospitais de Manaus, o governo informou, na quinta (14), que prevê enviar 235 pacientes para outros estados.

    A capital amazonense enfrenta colapso na rede de saúde após um novo surto da Covid-19 lotar hospitais mais uma vez. Nesta sexta (15), Manaus registrou 213 enterros e bateu recorde diário.

    De acordo com o governo, a transferências dos pacientes aconteceu nesta sexta-feira. Eles foram transportados em aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) ao longo do dia.

    Do total de 21 pacientes, nove foram encaminhados para o Piauí no início da manhã e 12 para o estado do Maranhão, no final da noite. Nos dois Estados, os pacientes estão sendo internados em hospitais universitários da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh).

    De acordo com o Ministério da Saúde, já estão garantidos de imediato 149 leitos nas outras cidades. São 40 em São Luís (MA), 30 em Teresina (PI), 15 em João Pessoa (PB), 10 em Natal (RN), 20 em Goiânia (GO), 4 em Fortaleza (CE), 10 em Recife (PE) e 20 no Distrito Federal. O governo do Pará informou que disponibilizará 30 leitos.

    *Com informações do G1

    Veja mais:

    Prefeito de Belém oferece 25 leitos para pacientes com Covid no AM

    Gol doa 30 cilindros de oxigênio à maternidade de Manaus

    Não é só em Manaus, falta de oxigênio também atinge o interior do AM

    Comentários