Fonte: OpenWeather

    Covid-19


    Esperança: idosos falam do sentimento de serem vacinados em Manaus

    O momento também é de emoção para os familiares dos idosos que acompanham a vacinação. Muitos deles filmaram e fotografaram a imunização

     

    Filas de carros foram formada nas primeiras horas da manhã desta sexta
    Filas de carros foram formada nas primeiras horas da manhã desta sexta | Foto: Suyanne Lima

    Manaus - Felicidade e esperança são os sentimentos descritos por idosos, acima dos 80 anos, que foram vacinados contra a Covid-19, em Manaus. No posto drive-trhu, localizado no estacionamento do Shopping Phelippe Daou, na Zona Leste, uma fila de carros foi formada nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (29). 

    "É a maior alegria do mundo receber essa vacina. Esperamos muito tempo e infelizmente perdemos muitas pessoas pela falta dessa medicação. Levantei três horas da madrugada, fiz minhas coisas em casa e minha neta foi me buscar. Graças a Deus, eu estou aqui linda e maravilhosa. Eu sou muito devota, faço minhas orações e tenho fé em Deus que todos vamos vencer essa batalha", declarou a idosa Francisca Duarte, de 82 anos, que já está ansiosa pela segunda dose da AstraZeneca/Oxford. 

     

    Francisca Duarte, de 82 anos
    Francisca Duarte, de 82 anos | Foto: Suyanne Lima

    O momento também é de emoção para os familiares dos idosos que acompanham a vacinação. Muitos deles filmaram e fotografaram a imunização. 

    Alívio 

    "Minha avó tem 99 anos e eu estou muito emocionada, pois ela vai poder pegar a segunda dose e permanecer vivendo. Somos do bairro Jorge Teixeira e graças a Deus foi rápido", declarou a professora Selma Sátiro. 

     

    Cristina  Sátiro, vacinada aos 99 anos
    Cristina Sátiro, vacinada aos 99 anos | Foto: Suyanne Lima

    A aposentada Lilian Pessoa, de 83 anos, foi uma das primeiras da fila. A família dela preparou lanches, frutas, para que ela permanecesse bem alimentada durante a espera na fila. 

    "Graça a Deus estou sendo imunizada contra a Covid-19. Estou muito feliz nesse momento tão esperado", disse a idosa. 

    A filha dela, a professora Juraci Pessoa, de 61 anos, se diz aliviada por ver quem ama sendo imunizada. "Assim que soubemos do início da vacinação já trouxemos a minha mãe. Sabemos que os cuidados continuam sempre, mas estamos em busca da qualidade de vida dela", explicou. 

     

    Lilian Pessoa, de 83 anos
    Lilian Pessoa, de 83 anos | Foto: Suyanne Lima

    Pedestres 

    A vacinação também foi oferecida para idosos que não possuem veículo particular em um ponto na entrada do Shopping Phelippe Daou, no entanto a maioria das vacinações aconteceu na modalidade drive-tru. 

    Veja os relatos 

    Campanha 

    Prefeitura de Manaus inicia, nesta sexta-feira (29), a vacinação de idosos contra a Covid-19 em Manaus, começando pelo grupo com 80 ou mais anos de idade. Para a campanha, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) definiu que o atendimento será feito em postos fixos de vacinação e também pela modalidade drive-thru, visando evitar a formação de filas, aglomerações e riscos à saúde dos idosos.

    Para esta etapa da imunização, foi destinado um total de 50.398 doses da vacina AstraZeneca/Oxford, que será aplicado em duas doses, com intervalo entre 8 e 12 semanas. 

    Locais

    A vacinação acontecerá no horário de 9h às 16h, em cinco locais espalhados pelas diferentes zonas da cidade. Esses locais foram estruturados para funcionar tanto como drive-thru, para as pessoas que podem se locomover usando transporte próprio, quanto como postos fixos, para quem se desloca a pé ou utiliza o transporte coletivo: Complexo de Exames do Detran (zona Norte), estacionamento da Universidade Paulista – Unip (zona Sul), balneário do Sesc (zona Oeste), Clube do Trabalhador do Sesi (Zona Leste) e shopping Phelippe Daou (zonas Norte e Leste).

    Leia mais 

    Idosos lotam postos drive-thru por vacina contra Covid-19 em Manaus

    Com AstraZeneca, vacina para idosos acima de 75 alcancará 100% no AM

    Prefeitura de Manaus corrige falhas na lista de vacinação


    Comentários