Fonte: OpenWeather

    Transporte aéreo


    Missões humanitárias no interior do Amazonas terão auxílio de aeronave

    O avião consegue levar até 11 pessoas, sendo de extrema importância para diversas demandas no interior do estado

     

    Na última segunda-feira (15), o avião levou uma equipe técnica composta por médicos, enfermeiros intensivistas e fisioterapeutas da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) para o município de São Paulo de Olivença
    Na última segunda-feira (15), o avião levou uma equipe técnica composta por médicos, enfermeiros intensivistas e fisioterapeutas da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) para o município de São Paulo de Olivença | Foto: Divulgação Secom

    Manaus - Uma aeronave disponibilizada pela Polícia Militar de São Paulo dará o reforço e suporte para as atividades da área de saúde a fim de atender os municípios mais afastados da capital.

    A aeronave cedida pelo Governo de São Paulo, de modelo Caravan, poderá ser utilizada para transporte de passageiros e distribuição de cargas através do Departamento Integrado de Operações Aéreas (Dioa) da SSP. O avião consegue levar até 11 pessoas, sendo de extrema importância para diversas demandas no interior do estado.

    Segundo informações do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), o avião decolou tendo como missão humanitária, na manhã desta quinta-feira (18), o transporte de 750 quilos de insumos para abastecer a cidade de Eirunepé (a 1.160 quilômetros de Manaus).

    Conforme explica o chefe do Dioa, Helliton Silva, o departamento já possui em sua frota um helicóptero de apoio a missões de transporte de oxigênio e respiradores para outros locais. Com o reforço da aeronave, ele acredita ser possível expandir os trabalhos.

    “O modelo Caravan é um avião muito versátil, muito robusto. É um avião de que existe larga frota aqui no Amazonas. As companhias aéreas locais operam maciçamente, e é uma aeronave que demonstrou alta confiança para operação na Amazônia. Certamente é um modelo que seria estratégico que a Segurança Pública do Amazonas tivesse operando de maneira ininterrupta, para apoiar não só as ações de logística das outras instituições como também as missões de segurança executadas pela SSP em todo o estado”, disse o chefe do Dioa.

    Na última segunda-feira (15), o avião levou uma equipe técnica composta por médicos, enfermeiros intensivistas e fisioterapeutas da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) para o município de São Paulo de Olivença (a 985 quilômetros de Manaus). Os profissionais orientaram equipes multiprofissionais que atuam na unidade de saúde do município.

    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Distrito de Saúde monitora casos de Covid-19 entre servidores

    23 policiais foram no primeiro curso de Operações fluviais do Amazonas

    Comentários