Fonte: OpenWeather

    Imunização


    Pessoas com comorbidades começam a ser vacinadas nesta segunda (29)

    As comorbidades eleitas como prioritárias são aquelas que oferecem maior risco de agravamento e morte quando associadas com a Covid-19

     

    De acordo com a Semsa, com o recebimento de novas remessas do Ministério da Saúde, a campanha vai avançar até contemplar todas as idades com as comorbidades eleitas
    De acordo com a Semsa, com o recebimento de novas remessas do Ministério da Saúde, a campanha vai avançar até contemplar todas as idades com as comorbidades eleitas | Foto: Divulgação

    Manaus - Em nova fase de vacinação em Manaus, a população de 55 a 59 anos, com cardiopatias, diabetes mellitus e obesidade mórbida (IMC > 40) será vacinada pela Prefeitura de Manaus, a partir desta segunda-feira (29).

    O atendimento ao novo grupo prioritário será por ordem decrescente de idade, nos sete pontos de vacinação montados pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e de acordo com o agendamento eletrônico do Imuniza Manaus.

    As comorbidades eleitas como prioritárias para o atendimento desta etapa da campanha são aquelas que, de acordo com avaliação da Semsa, Conselho Regional de Medicina (CRM) e Fundação de Vigilância em Saúde (FVS), oferecem maior risco de agravamento e morte quando associadas com a Covid-19.

    A vacinação começa pelas pessoas de 59 anos, nesta segunda-feira, 29. Os de 58 anos serão vacinados na terça (30); os de 57, na quarta (31); os de 56, na quinta (1º de abril) e os de 55, no sábado (3 de abril).

    A estimativa é de que existam em Manaus aproximadamente 30 mil pessoas de 55 a 59 anos com diabetes, obesidade mórbida ou algum tipo de cardiopatia. Dessas, mais de 8 mil haviam se cadastrado no Imuniza até a manhã de sábado, 27, e já estão agendadas para receber a vacina ao longo da semana.

    Considerando o público de 18 a 59 anos, com e sem comorbidades, o sistema registrou nas primeiras 48 horas, 111 mil registros. O sistema para cadastramento das comorbidades foi aberto às 9 horas da última quinta-feira 

    Estão disponíveis para esta semana 23.517 doses de vacina. De acordo com a Semsa, com o recebimento de novas remessas do Ministério da Saúde, a campanha vai avançar até contemplar todas as idades com as comorbidades eleitas.

    Na etapa seguinte, também em ordem decrescente de idade, entram os portadores das demais doenças relacionadas pelo Ministério da Saúde e que podem ser consultadas no Imuniza, no botão “Comorbidades”, no momento do cadastro. Para facilitar o entendimento, o sistema abre uma janela explicativa sobre cada uma das 22 doenças listadas.

    Para receber a vacina, o usuário deve se dirigir ao ponto de vacinação, no dia e hora indicados pelo Imuniza, na opção “Consultar 1ª dose”. No local, deve apresentar, obrigatoriamente, laudo médico (original e cópia), documento de identificação original, com foto, e CPF. Diabéticos que não tenham laudo médico, devem apresentar receita em papel timbrado oficial (do SUS ou de estabelecimento particular de saúde).

    Sobras

    Pessoas cadastradas no Imuniza, com idade imediatamente posterior à última da faixa etária em curso e com uma das três comorbidades prioritárias, farão parte de uma lista semanal que será usada para ordenar a aplicação de sobras de vacina ao longo da vacinação das pessoas de 18 a 59 anos. As listas terão até 150 nomes, incluídos por ordem de cadastro.

    A desta semana contempla as pessoas de 54 anos e está disponível para consulta no site da Semsa, clique aqui. As normas estão publicadas na Nota Técnica 001/2021 e no Adendo à esta Nota, ambas disponíveis no mesmo link.

    O usuário contemplado nas listas será avisado, por telefone, de que é candidato a receber a vacina, no caso de sobra, e deverá seguir as instruções da Semsa. Serão chamadas 20 pessoas por dia, que serão atendidas de acordo com a quantidade de doses disponíveis. Os não atendidos, por falta de doses, entram na prioridade do dia seguinte.

    As sobras de vacina acontecem porque os frascos são multidoses e todas precisam ser utilizadas no mesmo dia, já que a validade do imunizante é de apenas 6 horas após a abertura do frasco.

    Calendário de vacinação - 29/3 a 3/4:

    Segunda, 29/3 – 59 anos

    Terça, 30/3 – 58 anos

    Quarta, 31/3 – 57 anos

    Quinta, 1º/4 – 56 anos

    Sábado, 3/4 – 55 anos

    Comorbidades da fase atual:

    Diabetes mellitus

    Obesidade mórbida

    Cardiopatias: Insuficiência cardíaca (IC); Cor-pulmonale e Hipertensão pulmonar; Cardiopatia hipertensiva; Síndromes coronarianas; Valvopatias; Miocardiopatias e Pericardiopatias; Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas; Arritmias cardíacas; Cardiopatias congênita no adulto; Próteses valvares e Dispositivos cardíacos implantados.

    Pontos de atendimento com funcionamento das 9h às 16h:

    Zona Norte: Centro Estadual de Convivência da Família Padre Pedro Vignola- Rua Gandu, 119 - Cidade Nova;

    Zona Sul: Centro Cultural dos Povos da Amazônia- Avenida Silves, 2222- Crespo;

    Universidade Paulista (Unip)- Avenida Mário Ypiranga, 3490 - Parque Dez de Novembro;

    Universidade Nilton Lins - Av. Professor Nilton Lins, 3259, Flores;

    Zona Leste: Clube do Trabalhador do SESI- Avenida Cosme Ferreira, 7.399 – São José I;

    Zona Oeste: Balneário do Sesc- Avenida Constantinopla, 288 – Alvorada, Centro de Convenções de Manaus (Sambódromo)- Rua Ipanema, 550, Alvorada.

    *Com informações da assessoria

    Leia Mais:

    Vídeo: agentes da Força de Segurança do AM recebem vacina contra Covid

    Casos diários de Covid-19 no AM cai de 1 mil para 474, neste domingo

    Problemas com o 'Nossa Merenda'? Saiba como agendar atendimento

    Comentários