Fonte: OpenWeather

    Amazonprev


    Recadastro de aposentados e pensionistas do AM continua suspenso

    A Amazonprev esclarece que os pagamentos de benefícios continuarão sendo executados normalmente, sem prejuízos de suspensão

     

    A Amazonprev esclarece, ainda, que os pagamentos de benefícios continuarão sendo executados normalmente
    A Amazonprev esclarece, ainda, que os pagamentos de benefícios continuarão sendo executados normalmente | Foto: Reprodução


    Manaus (AM) - Durante a pandemia do novo coronvírus o número de excluídos da folha de segurados (aposentados e pensionistas) por falecimento, aumentou  157,84%. O levantamento é referente ao período de abril de 2020 a março de 2021; em comparação com o período de abril de 2019 a março de 2020. 

    O recadastramento obrigatório para aposentados e pensionistas do Governo do Estado e que recebem seus proventos pela Fundação Amazonprev permanece suspenso e sem previsão de retorno.

      A prova de vida foi interrompida pelo Decreto n° 42.330, de 28 de maio de 2020. A determinação é que o serviço se mantenha inoperante até que novas determinações governamentais sejam tomadas a partir da normalização e controle da Covid-19.  

     

    A lei abrange os inativos e pensionistas do Executivo, Legislativo, Judiciário, Tribunal de Contas, Ministério Público e Defensoria Pública
    A lei abrange os inativos e pensionistas do Executivo, Legislativo, Judiciário, Tribunal de Contas, Ministério Público e Defensoria Pública | Foto: Divulgação

    A lei abrange os inativos e pensionistas do Executivo, Legislativo, Judiciário, Tribunal de Contas, Ministério Público e Defensoria Pública, incluindo os que residem no interior, demais estados da federação e países estrangeiros.

    A Amazonprev esclarece, ainda, que os pagamentos de benefícios continuarão sendo executados normalmente, sem prejuízos de suspensão. 

    "

    Queremos garantir o bem-estar de nossos beneficiários e, tudo tem sido planejado e elaborado para melhor atender à necessidade de todos. Vale ressaltar que, qualquer mudança no decreto será amplamente informada por meio de nossos canais de comunicação (site e redes sociais). Então fique em casa e proteja-se. "

    André Luiz Zogahib, presidente da instituição

     

    Apesar do atendimento presencial ter sido retomando por meio de agendamento eletrônico, o gestor da Amazonprev alerta que os beneficiários só compareçam à sede do órgão se realmente for necessário.

    "

    O agendamento eletrônico serve para tornar o processo mais prático e com maior qualidade aos nossos aposentados e pensionistas, porém, pedimos que só compareçam à sede da Amazonprev se realmente for necessário, especialmente aqueles integrantes dos grupos de risco. Caso haja extrema necessidade, o segurado deve agendar previamente, por meio do nosso site. "

    André Luiz Zogahib, presidente da instituição

     

    ACESSO RÁPIDO

    Para ter acesso ao agendamento eletrônico, os beneficiários devem acessar o link disponível no site www.amazonprev.am.gov.br.

    O primeiro passo é a realização de um cadastro e a criação de senha para visualizar os serviços disponíveis e confirmar o atendimento. Na sequência, o usuário deve escolher a data e hora em que deve comparecer à sede da Amazonprev.

    Para os casos de dúvidas ou informações a previdência do Amazonas disponibiliza o número (92) 3627-3424, o e-mail [email protected] e o Fale Conosco, no site da instituição.

    *Em Tempo com informações da assessoria

    Leia mais:

    Prova de vida do INSS volta a ser obrigatória a partir desta terça

    Com antecipação do 13º, economia do AM recebe injeção de R$ 54 mi

    Governador Wilson Lima garante gratificação financeira a servidores

    Comentários