Fonte: OpenWeather

    BR-319


    Ipaam recebe comitiva para tratar licenciamento da BR-319

    A comitiva, com representantes do Ministério da Infraestrutura e do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), alinhou pontos importantes sobe licenciamento da rodovia que liga Manaus a Porto Velho.

     

    reunião na qual foram alinhados pontos importantes sobre o processo de licenciamento das áreas de apoio da rodovia BR-319
    reunião na qual foram alinhados pontos importantes sobre o processo de licenciamento das áreas de apoio da rodovia BR-319 | Foto: Divulgação/Ipaam

    Manaus (AM) - O Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) recebeu, na manhã desta sexta-feira (06/08), uma comitiva com representantes do Ministério da Infraestrutura e do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), em reunião na qual foram alinhados pontos importantes sobre o processo de licenciamento das áreas de apoio da rodovia BR-319, que liga Manaus a Porto Velho.

    Fizeram parte da comitiva a subsecretária de Sustentabilidade do Ministério de Infraestrutura, Larissa Amorim; o diretor de Planejamento do DNIT, Luiz Guilherme Rodrigues; e a superintendente do DNIT, Arlene Maria.

    O grupo foi recebido pela diretora técnica do Ipaam, Maria do Carmo. Também participou da reunião o diretor jurídico do Ipaam, André Chuvas.

    De acordo com Maria do Carmo, o Ipaam é responsável pelo licenciamento de parte das obras da BR-319, como áreas de apoio, jazidas e canteiros de obras, enquanto a pavimentação é de responsabilidade do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

    O objetivo da reunião foi para alinharmos questões técnicas sobre o andamento das licenças que são de competência do Ipaam”, explicou a diretora técnica.

    Larissa Amorim ressaltou que o resultado da reunião foi extremamente positivo e que está otimista para o andamento do processo.

    A BR-319 é uma missão do Ministério da Infraestrutura. Nós temos o compromisso de restabelecer o tráfego nessa região com sustentabilidade, sempre respeitando todos os normativos ambientais e seguindo todos os ritos de licenciamento. A expectativa é trazer a infraestrutura que o amazonense tanto deseja”, afirmou a subsecretária.

    *Com informações da assessoria 

    Leia mais:

    Governo do AM lança licitação para serviços de projetos em engenharia

    "Sem licenciamento, obras na BR-319 vão empacar", diz Bosco Saraiva

    Falta de recursos é entrave para reconstrução da BR-319

    Comentários