Fonte: OpenWeather

    Manifestação


    Vídeo:manifestação em prol do Inpa acontece na manhã desta quarta (04)

    Manifestação contará com apresentação de artistas locais, além de apoio do Greenpeace e de lideranças indígenas

    Medidas orçamentárias prejudicam continuidade das pesquisas realizadas no Inpa. | Foto: Ana Luiza

    Manaus - Na manhã desta quarta-feira (04),  estudantes, pesquisadores e servidores do  Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) estarão reunidos em frente à portaria da instituição, às 9h da manhã, para protestar contra  os cortes orçamentário que afetam diretamente a instituição. 

    Artistas regionais como o grupo Maracatu Eco de  Sapopema, Miltinho (Cabocriolo), Magaive  (Casa de Caba) e André Moraes  (Sindicato dos Artistas Carentes), estarão no ato em apoio ao Inpa. O Greenpeace Manaus e lideranças indígenas também têm presença confirmada. 

    Nesta segunda-feira (02), a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) anunciou a suspensão, a partir de setembro de 2019, do cadastramento de novos bolsistas e a alteração de vigência das bolsas e taxas escolares atualmente utilizadas, o que afeta diretamente estudantes de pós-graduação e bolsistas do Inpa. 

    Em carta aberta à população, o Sindicato dos Servidores Público Federais, o Comitê Inpa pela Democracia e o Movimento Salve o INPA reforçam que os estudantes de pós-graduação e bolsistas que desenvolvem grande parte das pesquisas que são feitas no Inpa e no Brasil. O quadro atual da instituição conta com 540 servidores - entre pesquisadores, técnicos e administrativos -, dos quais 240 já podem se aposentar. O Inpa já chegou a ter 1200 servidores. Este número representa uma desvalorização do trabalho realizado prlo órgão. 

    A carta aberta está disponível no Facebook e no Instagram do Salve o Inpa. Toda a população está convidada a participar. 

    Assista à reportagem da TV Em Tempo:

    Assista a reportagem | Autor: Juliano Couto/ TV Em Tempo
     


    Comentários