Fonte: OpenWeather

    Ciência na Amazônia


    Bosque da Ciência do Inpa celebra aniversário com programação on-line

    A programação contempla passeio virtual para conhecer as tartarugas da Amazônia, oficina de educação ambiental em casa e uma Roda de Conversa discutindo o papel dos parques urbanos,

     

    Bosque da Ciência do Inpa, em Manaus
    Bosque da Ciência do Inpa, em Manaus | Foto: Divulgaçao

    Manaus (AM) - Uma programação especial e online vai marcar os 26 anos de funcionamento do Bosque da Ciência do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI). As visitas públicas permanecem suspensas, em virtude das restrições sanitárias devido à pandemia de Covid-19, mas as atividades comemorativas estão garantidas para toda a família. 

    A programação contempla passeio virtual para conhecer as tartarugas da Amazônia, oficina de educação ambiental em casa e uma Roda de Conversa discutindo o papel dos parques urbanos, com lançamento do projeto Bosque Com&Ciência. A transmissão ocorrerá pelo canal do Inpa no Youtube/AscomInpa (https://www.youtube.com/ascominpa). 

    Bosque da Ciência

    Neste ano, o tema escolhido é “Bosque da Ciência: Educador por natureza”, que se propõe fortalecer os objetivos do Bosque como espaço educador em temas relacionados à conservação da natureza e cidadania socioambiental. Além de ser um fragmento florestal com refúgio para vida animal, o espaço permite contemplação da natureza, lazer, e o desenvolvimento de ações culturais e de popularização da ciência e da tecnologia. 

    Leia também: Perdas na floresta podem estar aquecendo o clima, diz estudo

    "Fazemos questão de estar próximo dos nossos visitantes na passagem de aniversário do Bosque. Nos 26 anos, não é diferente, queremos estar com o público, mesmo que virtualmente, e para isso montamos uma programação bem interativa e cheia de conhecimento, retratando muito bem o que o Bosque é: um Educador por natureza”, destacou o coordenador do Bosque da Ciência, Alexandre Buzaglo. 

     

    Cutia no tronco da árvore tanimbuca, no INPA
    Cutia no tronco da árvore tanimbuca, no INPA | Foto: Cimone Barros

    Conforme o coordenador, a visitação pública presencial segue suspensa, mas a conexão com o público continua pelos canais na Internet, a exemplo do projeto Passeio Virtual no Bosque da Ciência. “Quando for o momento de retornar, vamos comunicar a todos, e a sociedade encontrará um Bosque com muitas novidades”, conta Buzaglo. 

    Programação

     Pela manhã (10 horas), acontecerá um Passeio Virtual pelo Centro de Estudos dos Quelônios da Amazônia (Cequa).

    O tour será seguido de bate-papo com pesquisadores sobre curiosidades e dúvidas sobre as espécies de tartarugas da Amazônia.

    Após as conversas, os participantes serão convidados a ajudar as tartarugas a chegarem ao rio em segurança em um jogo interativo. A mediação será realizada por Sabrina Menezes e Guta Agostini, ambas do Cequa. 

    Educação Ambiental em Casa

    No período da tarde (14h30), será realizada a oficina “Educação ambiental em casa”, que mostrará como é possível, mesmo no ambiente doméstico, realizar atividades que aproximam as pessoas da natureza e que contribuem para um meio ambiente mais sustentável.

    De acordo com as organizadoras, a ideia é utilizar materiais do dia a dia para produção de mudas e para fazer tintas naturais.

    A mediação será realizada pela técnica do Inpa, Fernanda Reis, com participação de Laura Landau e Renata Vilar. 

    Para encerrar a programação, às 17 horas, será realizada a Roda de Conversa - "Bosque da Ciência: Educador por natureza".

    Bosque Com&ciência

    Essa atividade, que marcará o lançamento do projeto Bosque Com&Ciência, contará com a participação de especialistas que abordarão o papel dos parques urbanos como espaços educadores em temas relacionados à conservação da natureza e cidadania socioambiental. 

    Os convidados trarão diferentes abordagens para discutir a importância de espaços como o Bosque da Ciência para fomentar valores conservacionistas em estudantes e visitantes. 

    A mediação ficará com o educador ambiental do Bosque, Felipe Zanusso, e tendo a participação dos convidados:

    Rita Mesquita (Coordenadora de Extensão do Inpa), Jim Barborak (Universidade do Colorado – EUA), Saulo Seiffert (Ufam) e Thelma Prado (CEA/DEPPE/Seduc-AM). 

    Projeto Bosque Com&Ciência 

    O projeto tem como objetivo fortalecer o canal de diálogo do Bosque da Ciência com a sociedade, por meio da educação ambiental e popularização da ciência, em especial aquela produzida no Inpa. 

    A iniciativa está inserida no projeto “O Bosque da Ciência como laboratório para fortalecer a educação básica em ciências na Amazônia”, aprovado no âmbito do Programa Ciência na Escola (PCE) do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), com apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). 

    Durante a programação serão exibidos vídeos em homenagem aos pesquisadores, funcionários e parceiros do Bosque que nos deixaram em decorrência da Covid-19.

    Leia mais:

    www.emtempo.com.br/ultimas



    Comentários