Fonte: OpenWeather

    Condenação


    Babá engravida de garoto de 13 anos: 'não me arrependo de nada'

    Em depoimento, a babá afirmou que não se arrepende de nada

    | Foto: divulgação

    Uma babá foi condenada após seduzir e engravidar de um adolescente de 13 anos, pelo qual era responsável, no Reino Unido. Em depoimento, Leah Cordice afirmou que não se arrepende de suas ações. Ela foi condenada a 30 meses de prisão.

    Durante o julgamento, a corte ouviu como Leah, que tinha 17 anos na época, "comprava" o silêncio do adolescente sobre o abuso: com guloseimas e presentes. Ela teria mantido relações sexuais enquanto cuidava dele, entre 2017 e 2018. Atualmente ela tem 20 anos.

    Leah foi condenada pelo júri por ter feito sexo com o menor em pelo menos cinco ocasiões. O juiz do caso Peter Clarke, dises que ela "afirmou que a verdade era que ela havia sido estuprada pela vítima em várias ocasiões".

    O magistrado acrescentou. "Foi compreensivelmente instado no tribunal que o exame psiquiátrico considerasse Cordice com capacidade intelectual limítrofe, com um QI de 70 a 85. Ela não parece se arrepender de seus atos."

    Teste de DNA

    Os abusos só foram descobertos quando quando a mãe do menino foi informada de que poderia ser avó e entrou em contato com membros do Serviço Social do Reino Unido.

    A babá se recusou em fazer o teste de DNA, mas foi obrigada depois que uma ordem foi despachada pelo Tribunal de Família local. O teste descobriu que o garoto de 13 anos era o pai de sua filha.

    Comentários