Fonte: OpenWeather

    Doença


    Morcegos na China carregam novo tipo de coronavírus, diz pesquisadora

    A cientista disse que os vírus encontrados foram muito semelhantes ao Sars-CoV-2, responsável pela Covid-19

    Conhecida como "mulher-morcego"
    Conhecida como "mulher-morcego" | Foto: Divulgação

    A pesquisadora chinesa Shi Zhengli, do Instituto de Virologia de Wuhan, afirmou que morcegos das regiões fronteiriças do sul e do sudoeste da China carregam novos tipos de coronavírus capazes de serem transmitidos aos seres humanos, segundo reportagem do jornal britânico The Guardian.

    Conhecida como "mulher-morcego" - por participar de grupos de estudo que têm o animal como objeto de análise -, a cientista disse que os vírus encontrados foram muito semelhantes ao Sars-CoV-2, responsável pela Covid-19.

    No entanto, ela contou que os mamíferos também circulam em outras regiões do continente. "Não devemos procurá-los apenas na China, mas também em países do sul da Ásia", informou.

    Zhengli divulgou esses resultados durante um seminário online organizado por centros franceses de pesquisa veterinária. O encontro aconteceu porque uma equipe da Organização Mundial da Saúde e outra da revista científica inglesa The Lancet se preparam para iniciar uma investigação sobre as possíveis origens da pandemia.

    O laboratório em que Shi desenvolve seus estudos foi acusado de ser a fonte de um vazamento acidental do vírus no início de 2020. Segundo a publicação, ela nega a acusação e não sugere que a China seja eliminada das investigações, apenas pede para que as apurações não se limitem ao país asiático.

    Leia mais

    Covid-19: Brasil registra 6,53 milhões de casos e 175,9 mil mortes

    Senado aprova MP que destina R$ 1,995 bilhões para vacina

    EUA superam marca de 3 mil mortes diárias por covid-19

    Comentários