Fonte: OpenWeather

    De 9 a 16 anos


    Bolsonaro tira caderneta de saúde que traz educação sexual de meninas

    O anúncio foi feito durante uma live na rede social do presidente, no inicio da noite desta quinta (07)

    Presidente substituirá a caderneta de saúde das adolescentes por novas
    Presidente substituirá a caderneta de saúde das adolescentes por novas | Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

    Brasília - O presidente Jair Messias Bolsonaro recolherá as cadernetas de saúde das adolescentes de forma imediata e substituirá por uma nova. O anúncio foi feito durante uma live no Facebook, no início da noite desta quinta-feira (07).

    “Eu assisti num outro dia um vídeo de uma senhora que estava falando sobre a caderneta de vacinação da sua filha. E ela estava indignada porque a caderneta diz, na sua frente, que é de 9 até 16 anos de idade. Mas que traz certas figuras que não cabem para meninas e meninos de 9 anos terem acesso”, falou aos 14 minutos da transmissão ao vivo.

    | Foto: Reprodução

    O presidente também aconselhou aos pais que não se sentirem confortáveis com as imagens, a arrancarem as páginas que mostram o órgão sexual feminino e como colocar preservativo da caderneta de seus filhos. “Ela (caderneta) tem boas informações, sim, mas aqui no final dela fica complicado. Isso conforme o meu entendimento, mas, se você pai achar que não, é um direito teu”, comentou Bolsonaro.

    | Foto: Reprodução

    Após ver o vídeo, o presidente entrou em contato com o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e eles chegaram a solução de fazer uma nova caderneta, com menos páginas, sem as figuras citadas, mais barata e com rápida distribuição. As antigas serão recolhidas.

    Você pode conferir como é a caderneta atual, disponibilizada gratuitamente pelo Ministério da Saúde, através desse link: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/caderneta_saude_adolescente_menina.pdf.

    Outros assuntos também foram pautados na live, que você pode ver a seguir:

    Edição: Bruna Chagas

    Leia Mais 

    Bolsonaro diz que democracia e liberdade dependem das forças armadas

    Presidência diz que Bolsonaro não teve intenção de criticar o Carnaval

    Bolsonaro encontra Trump na Casa Branca este mês


    Comentários