Fonte: OpenWeather

    Caso Henry


    Defesa de Jairinho divulgou fotos de ex-namorada nua

    Equipe também compartilhou vídeos em que funcionários do vereador tentavam desqualificar a mulher

     

    Vereador foi preso por suspeita de envolvimento na morte do enteado
    Vereador foi preso por suspeita de envolvimento na morte do enteado | Foto: Divulgação

    Preso nesta quinta-feira (8) por suspeita de envolvimento na morte do enteado, Henry Borel, de 4 anos, o vereador Dr. Jairinho tentou desmerecer e constranger testemunhas do processo. Uma das ex-namoradas do vereador, que prestou depoimento afirmando que a filha já foi agredida por ele, teve fotos íntimas divulgadas pela defesa de Jairinho.

    Em uma das imagens, a mulher aparece nua, com a legenda: “Sou de Bangu e vereador Jairinho botou peito em mim”. Era uma referência ao fato de, no mesmo depoimento, ela ter afirmado que foi o então namorado quem pagou pelo procedimento de aplicação de silicone.

    A defesa de Jarinho também compartilhou vídeos em que funcionários do vereador tentavam desqualificar a mulher.

    “[A ex-namorada] disse pra muitas pessoas que estava com ele por causa do dinheiro dele, isso a gente já sabe. Agora não entendo, [há] mais de oito anos isso, a pessoa vir a público agora dizer uma coisa dessa... Agora disse que tinha medo dele?", disse um dos funcionários sobre a mulher.

    Quando o pai de Henry, Leniel Borel, pedia explicações sobre o caso, o advogado de defesa de Jairinho chegou a dizer que as testemunhas foram plantadas por ele. 

    "Ele não consegue aceitar que o casamento chegou a fim, as apurações aqui são sérias”, disse o advogado André França Barreto, sobre Leniel. 

    Nem o delegado responsável pelas investigações escapou dos ataques. Ao ver que a investigação avançava, Jairinho tentou na justiça mudar a delegacia responsável pelo caso - da 16ªDP (Barra da Tijuca) para a Divisão de Homicídios.


    * Com informações do G1


    Leia Mais:


    Caso Henry: vereador Dr. Jairinho tem salário e mandato suspensos


    São Paulo volta à fase vermelha na segunda-feira


    Vacinas com insumos nacionais deverão ser entregues em setembro


    Comentários