Fonte: OpenWeather

    Rio de Janeiro


    Vídeo! mulher morre ao pular de ônibus para fugir de assalto

    Cinco pessoas também ficaram feridas. Os criminosos agiram com violência

    A polícia investiga se os passageiros pularam do veículo em movimento por ordem dos bandidos | Foto: Divulgação

    Uma mulher morreu ao pular de um ônibus em movimento durante um assalto, no Rio de Janeiro. A costureira Tânia da Conceição Mota, de 62 anos, estava dentro do veículo quando dois bandidos anunciaram o roubo. Armado, um deles rendeu o motorista, enquanto o outro roubava os passageiros.

    "Eu estava no último banco. Aí eu vi as pessoas assustadas, correndo para a porta, a porta aberta. Talvez tenha sido por ordem dos bandidos, né. Aí a porta aberta, aí todo mundo apavorado. Eu olhei, e só vi um recolhendo o celular das pessoas e fui para porta também. Mas, não dava para pular, porque estava com velocidade. Aí simplesmente as pessoas começaram a pular do ônibus, né", conta o líder comunitário Noir Borges, que estava dentro o ônibus.

    Cinco mulheres saltaram do ônibus; quatro foram socorridas e sobreviveram. Tânia morreu ao bater a cabeça no meio fio. A carteira e o celular dela não foram roubados. "Minha mãe teve um traumatismo craniano fatal, com retirada de calota. Foi uma queda muito, muito, muito, brusca", disse a filha da vítima, Gláucia da Conceição Mota.

    Os ladrões desceram do ônibus e conseguiram fugir pela linha do trem. A polícia já começou a ouvir testemunhas para tentar identificar os criminosos e investiga se eles obrigaram os passageiros a saltar do veículo em movimento.

    O corpo da costureira deve ser enterrado neste domingo (19). Ela trabalhava na cidade do samba e morava na favela do Jacarezinho. "Isso para mim foi uma violência que ninguém, ninguém resolve. Isso não vai apagar", desabafou a filha de Tânia.

    Veja o vídeo: 

    Comentários