Fonte: OpenWeather

    Gastronomia


    Chef é um dos indicados para ser embaixador da gastronomia do Amazonas

    Chef de cozinha e proprietário do restaurante Taberna 88, Bruno Leitão, concorre ao “Prêmio Dólmã”

    Evento é considerado o “Oscar da Gastronomia Brasileira” vai acontecer em Teresina/Piauí
    Evento é considerado o “Oscar da Gastronomia Brasileira” vai acontecer em Teresina/Piauí | Foto: Divulgação

    Manaus - O Chef Bruno Leitão, proprietário do restaurante Taberna 88, associado da Abrasel no Amazonas é um dos indicados ao “Prêmio Dólmã”, que vai acontecer nos dias 26 a 28 de março de 2020, em Teresina, capital do Piauí, 6° estado anfitrião da premiação.

    Bruno Leitão foi indicado a participar do prêmio por voto popular, onde concorre ao título de “Embaixador da gastronomia do Amazonas”, nesta última fase do concurso será realizado uma votação e a análise curricular dos indicados.

    O objetivo do Prêmio Nacional Dólmã é reafirmar, reconhecer e valorizar a dedicação dos profissionais que se destacam na área gastronômica e que contribuem para a economia brasileira. O prêmio é itinerante, ou seja, a cada ano, é realizada em um estado brasileiro.

    O Prêmio Dólmã é nacional e instituído em duas categorias: Categoria Estadual, que premia um chef por estado entre os três chefs indicados, e a Categoria Nacional, que premia um chef Nacional entre os cinco chefs indicados, sendo um de cada região brasileira.

    Para o chef Bruno Leitão, “Ser indicado ao Prêmio Dólmã é uma honra imensa, principalmente por estar representando o meu estado do coração, o Amazonas. Já sinto-me vitorioso em poder fazer parte deste grupo de profissionais que traduzem em seu trabalho e esforço o amor e o carinho nas diferentes preparações deste diverso Brasil. Gostaria de agradecer a todos pelo apoio e confiança e dizer que, participar deste evento é saber que meus estudos, pesquisas e dedicação em difundir a cozinha Amazônica me proporcionaram várias conquistas profissionais, dentre elas, ser escolhido como um dos representantes para participar desta premiação máxima da gastronomia brasileira", afirma Leitão.

    Curriculum do Chef Bruno

    Mestre em Ciência e Meio Ambiente pela Universidade Federal do Pará. Especialista em Vigilância Sanitária e Qualidade dos Alimentos e Panificação e Confeitaria (em andamento).

    Graduado em Gastronomia e graduando em Tecnologia dos Alimentos. Atuou há seis anos como docente do ensino superior em três Universidades de Manaus (Fametro, Uninassau e Ciesa) e lecionou módulos na Pós-graduação da Univel (Cascavel-PR) e na Fametro (Manaus-AM).

    Desde 2012 atua em projetos de pesquisa e popularização da ciência envolvendo reaproveitamento e elaboração de novos produtos alimentares com ênfase nos insumos amazônicos.

    Há três anos atua também como empresário do ramo de alimentos e bebidas na empresa ''Bar e Restaurante Taberna 88'', estabelecimento associado a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes – Abrasel no Amazonas.

    No Taberna 88 participa do gerenciamento e desenvolvimento do cardápio. Desde 2016 participamos do evento nacional Comida di Buteco, conquistando o vice-campeonato nesse mesmo ano.

    O mesmo tem experiência na área da gastronomia desde 2005 (desenvolvendo linguiças, defumados e queijos artesanais, produtos da panificação e confeitaria, cozinha brasileira de raiz com foco na regional amazônica), ministrando aulas show em eventos gastronômicos (FIGA - Feira Internacional da Gastronomia Amazônica e MANAUARA CHEF) ajudando a difundir a gastronomia Amazônica Brasil a fora; e na Tecnologia de Alimentos (análise se alimentos, análise sensorial, desenvolvimento de novos produtos alimentícios, analises microbiológicas e vida de prateleira).

    *Com informações da Assessoria

    Comentários