Fonte: OpenWeather

    Talentos da terra


    Longe da mídia, artistas amazonenses que você precisa conhecer agora

    Conheça artistas que fazem parte da cultura local e esbanjam talento em produção

    Karen Francis tem estilo voltado para a música popular brasileira | Autor: Externo: YouTube

    Talentos amazonenses da música, dança e artes plásticas que a mídia não 'dá bola'
    Talentos amazonenses da música, dança e artes plásticas que a mídia não 'dá bola' | Foto: Reprodução

    Manaus -  Não é de hoje que o Amazonas apresenta artistas extremamente talentosos, de diferentes estilos e gerações. Por toda a parte é possível encontrar artistas que produzem com qualidade. E em algumas situações o talento local não é reconhecido.

    Todo ano, uma nova geração aparece para nos lembrar que a nossa música, dança e artes plásticas é uma das melhores do mundo. Pensando nisso, o Em Tempo listou seis artistas que você precisa conhecer agora.

    Cantora Karen Francis, 19

    Karen Francis,19 é amazonense, nasceu em Maués, mas passou pouco tempo na cidade e logo foi com a família para o município de Nova Olinda do Norte, 130 km distante da capital. 

    A música faz parte da vida da cantora e compositora desde a infância
    A música faz parte da vida da cantora e compositora desde a infância | Foto: Reprodução

    A mistura musical começa com o pai brasileiro e mãe de Moçambique. Karen começou a cantar com quatro anos de idade e já se apresentava para o  público e aos oito anos cantava com o pai na igreja.

    Karen conta que o talento seguiu naturalmente, principalmente pela influência musical que tinha dentro de casa. "Nunca parei e pensei 'vou ser cantora' partiu muito da minha vivência. A música sempre fez parte da minha vida", relembra.

    A artista e a família vieram para Manaus no ano de 2016 e o caminho pela música foi desenhado de forma natural. Hoje é a principal fonte de renda da artista, que trabalha com produções autorais e como cover. Além disso, a artista dá aulas de canto.

    Karen Francis é artista local e dá aulas de música
    Karen Francis é artista local e dá aulas de música | Foto: Reprodução

    "Sempre tive vontade de fazer parte da produção cultural e educação musical em todas as vertentes artísticas.Tenho como ideal trabalhar com produção cultural, é o que mais quero hoje fazer", ressalta.

    O estilo musical favorito de Karen Francis é música popular brasileira (MPB). O trabalho gravado é POP com a mistura de outros gêneros musicais. A musicalidade negra é marcante na voz e letra da cantora e compositora. 

    Karen Francis tem estilo voltado para a música popular brasileira | Autor: Externo: YouTube
     

    Dançarina Cinthya Simukaua, 21

    Cinthya Simukaua, 21, começou a dançar com 12 anos. Ela participou de um projeto na Escola Municipal Antônio Matias Fernandes, chamado Encantart. A bailarina acompanhava a amiga em alguns ensaios e se encantou com a dança. 

    Cinthya é artista premiada no estado
    Cinthya é artista premiada no estado | Foto: Reprodução

    Cinthya pediu para entrar no grupo e participou por mais de cinco anos. Durante a participação, a dona do Centro de movimento- Step, Mary Elen Carvalho, fez o convite para a artista participar da amostra anual e a bailarina logo aceitou.

    "Eu comecei a participar de eventos da academia e ficar completamente apaixonada pela dança, que antes não tinha muitos atrativos para mim. Um ano depois fui chamada para participar da companhia de dança dessa academia e até hoje estou dançando diversas modalidades como jazz, ballet clássico, contemporâneo, urbana, brasileiras, salão e muitas outras", conta.

    Desde os 12 anos a bailarina tem a dança como paixão
    Desde os 12 anos a bailarina tem a dança como paixão | Foto: Reprodução

    Cinthya é bailarina premiada em vários festivais de dança na cidade e no interior. Esses são alguns dos concursos vencidos pela artista:

    Mostra de dança de Manaus (MODAMA)- Campeã 2012,2013,2014,2015

    Festival universitário de dança da Ufam (FEUDAN)- 2014-2015

    · 1º Lugar na categoria juvenil II- moderno e contemporâneo- conjunto 

    · 1º Lugar na categoria avançado-moderno e contemporâneo- conjunto

    · 1º Lugar na categoria adulto- jazz

    · 1º Lugar na categoria adulto- danças populares- conjunto

    Festival Internacional de dança de Manaus

    · 3º Lugar-moderno e contemporâneo- conjunto

    Artistas plástico Marcos Afonso

    Marcos Afonso, homem apaixonado pelo Rio Negro relata que começou a produzir nas artes plásticas porque queria deixar algo para os filhos e os netos.

    Marcos Afonso carrega a paixão pela cidade nas telas de pintura
    Marcos Afonso carrega a paixão pela cidade nas telas de pintura | Foto: Reprodução

    Na casa simples e bem decorada guarda o ateliê com telas prontas e desenhos para finalizar. O zelo e as coisas arrumadas em seu devido lugar é a marca do artista. Marcos traz o gosto pela pintura com desenhos vivos e cores chamativas.

    Com as obras expostas  Marcos Afonso é um dos artistas plásticos que mais retrata a vida manauara
    Com as obras expostas Marcos Afonso é um dos artistas plásticos que mais retrata a vida manauara | Foto: Reprodução

    São mais de 40 anos expondo e criando arte. Marcos já expôs o trabalho em diversas galerias e amostras de arte na cidade de Manaus. O artista, na maioria de suas obras, retrata as lendas amazônicas, o dia-a-dia do homem caboclo e a região norte como sua grande fonte de inspiração.

    Exposição no primeiro salão de artes pan Amazônica em 2016
    Exposição no primeiro salão de artes pan Amazônica em 2016 | Foto: Reprodução

    Escritores Danna Dantas, 24 e Zedu, 26

    Danna Dantas, 24 e Luiz Eduardo (Zedu), 26 são os criadores do projeto Urban Cookie com produção de textos e ilustrações. Os artistas iniciaram em abril de 2018 com exposição dos materiais em espaços voltados para as artes e em perfis de redes sociais.

    A ideia do projeto é que sejam histórias curtas sobre personagens anônimos que moram na mesma cidade anônima e imaginária. Os textos e ilustrações são pensados em um contexto urbano, trazendo temáticas que são comuns, como solidão, medo, amadurecimento, etc.

    A dupla une ilustrações e textos relatando o cotidiano
    A dupla une ilustrações e textos relatando o cotidiano | Foto: Arte Desirée Souza

    “O Urban Cookie é uma parte pequena da vida urbana,  a gente tenta retratar de um jeito bonito pra lembrar que o comum também pode ser incrível”, ressalta a artista.

    Zedu brinca ao contar que decidiu fazer ilustrações desde que assistiu o filme Titanic, pois sua arte é focada em pessoas e comportamentos reais do dia a dia.

    Redes sociais: @zedu.art/ @mundanna/ @urbcookie

    Designer Larissa Mendes

    Larissa Mendes,19 decidiu fazer design gráfico quando a vontade de cursar moda se desfez ao se deparar com a desvalorização da profissão no Amazonas e o preço alto do curso. Hoje, Larissa aperfeiçoou a técnica lettering, o chamado desenho de letras.

    A artista atualmente dá aulas em uma escola de artes que abriu junto com as amigas, chamada A Godê. Larissa faz ilustrações e colagem manual. "Costumo dizer que a arte é minha dona e ela que me controla. Quando ela quer ser expressada, sai do jeito que quer, seja em forma de lettering, colagem, poesia, ilustração, etc.”

    Colagem e desenho são algumas das habilidades da artista
    Colagem e desenho são algumas das habilidades da artista | Foto: Arte Desirée Souza

    Redes sociais:@la.risca

    Artista plástica Laíssa Santos

    Laíssa Santos,19 é estudante de ciências biológicas, mas revela que a arte sempre foi a sua paixão desde criança. O trabalho desenvolvido por Laíssa é o desenho, a pintura e colagem. Faz pouco tempo que a artista passou a expor o seu trabalho, porque não conhecia espaços que promovessem a interação entre os artistas e o público.

    “Apesar de desenhar desde que me entendo por gente, nunca fui de expor ou trabalhar de fato nisso, pois não via muito espaço para os artistas em Manaus, embora a cena artística do norte seja muito plural e rica", declara.

    A artista ilustra pensamentos e sentimentos
    A artista ilustra pensamentos e sentimentos | Foto: Arte Desirée Souza

    O estilo de Laíssa não é definido por ela mesma, mas busca ilustrar pensamentos, sentimentos e sonhos. “Sempre defino minha arte como uma 'baguncinha' por não gostar de me prender em um estilo específico, estar sempre experimentando coisas novas e descobrindo novas formas de ilustrar o que penso", conta.

    Redes sociais: @instagram.com/passarinhk

    Leia mais:

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!:

    Mateus Arruda: a voz da Amazônia que ganhou o mundo

    Gustavo Lima é acusado de machismo após pedir bebida em show

    Comentários