Fonte: OpenWeather

    Sustentabilidade


    Virada Sustentável Manaus ocupa a cidade com programação gratuita

    De sexta-feira (26) a domingo (28), a Virada Sustentável Manaus vai ocupar ruas, espaços públicos, parques e centros culturais da capital amazonense com mais de 160 atividades gratuitas

    Os projetos Remada Ambiental e Grito d’Água convocam voluntários para recolher materiais descartados de forma incorreta nas águas do Tarumã | Foto: Felipe Inardo/FAS

    Manaus - De sexta-feira (26) a domingo (28), a Virada Sustentável Manaus vai ocupar ruas, espaços públicos, parques e centros culturais da capital amazonense com mais de 160 atividades gratuitas em prol de uma cidade melhor. Shows, oficinas, rodas de conversas, exposições, doação de mudas e limpeza de igarapés são algumas das ações previstas. A programação completa pode ser conferida no site: www.viradasustentavel.org.br/manaus.

    Virada sustentável 

    A Virada Sustentável  é considerada o maior festival de sustentabilidade da América Latina e ocorre pelo quinto ano consecutivo na capital amazonense, com a colaboração de 300 voluntários.

    Nesta edição, os espaços escolhidos para receber as ações do festival foram Bosque da Ciência, Biblioteca Pública do Amazonas, Casa das Artes, Centro de Medicina Indígena, Bairro Colônia Antonio Aleixo, Escola Estadual Professora Myrthes Marques Trigueiro, Feira do São José, Flutuante Abaré, Galeria do Largo, Largo São Sebastião, Marina do Davi, Bairro Monte das Oliveiras, Museu da Amazônia (MUSA), Parque Sumaúma, Parque do Mindu, Praça da Polícia, Praça da Matriz, Praia da Ponta Negra, Reusa – Rip Rap da Redenção, Shopping Manaus Via Norte e terminais de ônibus 4 e 5.

    “Vamos alcançar todas as zonas da cidade, principalmente os espaços com grande circulação de pessoas, levando cultura, conscientização e lazer para a população de forma dinâmica, divertida e totalmente gratuita”, explica a coordenadora da mobilização, Paula Gabriel.

    Arte e cultura

    O festival receberá uma atração nacional, a cantora e compositora paraense Dona Onete.
    O festival receberá uma atração nacional, a cantora e compositora paraense Dona Onete. | Foto: Divulgação

    A programação cultural da Virada Sustentável Manaus será marcada por exposições de arte e fotografia, performances teatrais, intervenções de grafite, espetáculos de dança, números circenses, entre outras iniciativas.

    Pela primeira o festival receberá uma atração nacional, a cantora e compositora paraense Dona Onete, a diva do carimbó “chamegado”, que encerra a programação de sábado (27), às 20h, com um show especial no Largo São Sebastião.

    Outros espaços que terão palco com apresentações musicais gratuitas são Monte das Oliveiras, Redenção, Bosque da Ciência e Shopping Manaus Via Norte.

    Na lista de atrações, estão Márcia Novo, Alaídenegão, Os Tucumanus, Will Rock Band, Manauaras em Extinção, Pedro Auzier, Grupo Maroaga, Antônio Bahia, Mady e Seus Namorados, Banda NTG, Marcello Ipanema & o Izunomê, Banda Tucandeira, Dj Thayza Rodrigues, DJ Makka, entre outras.

    Meio ambiente

    Temas como reciclagem, destinação correta do lixo e conservação da floresta serão abordados de formas variadas, com a proposta de mostrar para o público que uma cidade mais sustentável, com melhor aproveitamento de seus recursos e cuidado com o meio ambiente, pode ser construída com atitudes simples.

    Entre os destaques do sábado (27), está uma oficina de upcycling para quem quer aprender como dar um “up” em uma peça de roupa desgastada, estragada, manchada ou encostada no armário. A atividade ocorrerá das 8h às 17h, na Casa das Artes.

    No Parque do Mindu, das 9h às 11h, a população poderá aprender a montar um biodecompositor para o descarte de resíduos orgânicos. Ainda no local, alunos do curso de Química da Fametro promoverão uma oficina, no sábado e domingo, das 8h às 12h, sobre produção de sabão líquido biodegradável, de baixo custo e menos impacto ao meio ambiente, que pode inclusive ser fonte de renda para famílias carentes.

    Já no domingo (28), das 9h às 10h, a Escola Estadual Professora Myrthes Marques Trigueiro, no Coroado, receberá uma oficina sobre energia solar. Das 14h às 17h, será realizado um mutirão de limpeza no Parque do Mindú. No Largo São Sebastião, das 15h às 18h, o Projeto Hermanitos ensinará o público como produzir brinquedos utilizando materiais recicláveis.

    Além destas e outras ações de conscientização ambiental, a Virada Sustentável Manaus terá pontos de coleta seletiva nos espaços ocupados e distribuirá 500 mudas de árvores em todas as zonas da cidade, como parte da campanha #ArvoredaViradaManaus.

    Social

    Ações sociais e oferta de serviços também farão parte da programação do festival.
    Ações sociais e oferta de serviços também farão parte da programação do festival. | Foto: Divulgação

    Ações sociais e oferta de serviços também farão parte da programação do festival. Na Redenção, a Associação de Desenvolvimento e Bem-Estar Social do Amazonas (SOCIAMA) realizará Teste de Tipagem Fluodoral  (HIV), distribuição de preservativos, atendimento psicológico e dará informações sobre as hepatites virais, no sábado (27), das 8h às 13h.

    No mesmo dia, a organização VerBem Amazonas fará exames oftalmológicos gratuitos e doação de óculos para a população, das 8h às 12h, na Praça da Matriz.

    Já o grupo Mãos que Cuidam ocupará o Largo São Sebastião durante o fim de semana com uma ação voltada para pessoas em situação de rua, no Centro da cidade, oferecendo serviços de corte de cabelo, limpeza de pele, doação de lanches, roupas e sapatos.

    No domingo (28), os destaques incluem uma ação de atendimentos, orientações e simulações em atendimento de primeiros socorros, coordenada pela Cruz Vermelha Brasileira Amazonas, das 8h às 17h, no Largo São Sebastião. E, também, o Banho do Bem, movimento social que levará à Praça da Matriz, das 13h às 17h, um caminhão com chuveiros e outras atividades, atendendo pessoas em situação de rua, com acesso à banho, doação de roupas, kits de higiene pessoal, lanche, corte de cabelo e serviços de enfermagem.

    Esporte e Zen

    Circuito Zen terá yoga, meditação, terapias holísticas, medicina indígena, entre outras frentes terapêuticas.
    Circuito Zen terá yoga, meditação, terapias holísticas, medicina indígena, entre outras frentes terapêuticas. | Foto: Divulgação

    Quem busca atividades relacionadas à saúde, esporte e bem-estar terá diversas opções ao longo do fim de semana.

    Entre elas, os projetos Remada Ambiental e Grito d’Água, que convocam voluntários para recolher materiais descartados de forma incorreta nas águas do Tarumã, utilizando pranchas de Stand Up Paddle (SUP), caiaques e canoas.

    As duas ações acontecerão no sábado (27), a partir das 8h. O ponto de encontro entre os participantes da Remada Ambiental será a Marina do Davi, na Ponta Negra, Zona Oeste de Manaus. Já o projeto Grito d’Água sairá do Flutuante Abaré, que fica na margem direita do Igarapé do Tarumã.

    Bike Tour

    Para incentivar o uso de bicicletas, o festival terá um Bike Tour pelo Centro, domingo (28), a partir das 9h, com saída no Largo São Sebastião. O espaço também receberá, no mesmo dia, a Escola Bike Anjo, que ensina pessoas de todas as idades a pedalar.

    Circuito Zen

    O festival ainda terá um Circuito Zen com yoga, meditação, terapias holísticas, medicina indígena, entre outras frentes terapêuticas, visando estimular o autoconhecimento e a cultura de paz. Como parte dessa programação especial, a cidade receberá pela primeira vez a festa WAKE, experimento social que desafia as pessoas a reinventarem suas rotinas em uma celebração matinal com yoga, dança, meditação e gastronomia saudável. O evento ocorrerá domingo (28), a partir das 8h, no Bosque da Ciência, com entrada mediante a doação de 1 kg de alimento não perecível, que será entregue ao Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).

    A Virada

    A programação da Virada Sustentável Manaus ainda inclui uma série de atividades lúdicas e educativas voltadas para os mais diversos públicos – de crianças a idosos – todas gratuitas. 

    Na edição passada, o festival mobilizou mais de 15 mil pessoas em toda a cidade.


    Comentários