Fonte: OpenWeather

    Música


    Songbook com Músicas Populares Amazonense é lançado nesta quinta (22)

    A noite de autógrafos e lançamento oficial do Songbook será no Bar e Restaurante Porto de Lenha

    MPA apresenta em suas letras temas característicos da região amazônica | Foto: Divulgação

    Manaus- Ao longo de sua História o Amazonas sempre apresentou um considerável acervo de canções populares que atravessaram gerações, criando uma identidade própria no ambiente da MPB. Nesse contexto, buscando-se a consolidação dessa identidade, forjou-se a sigla MPA (Música Popular Amazonense), referindo-se especificamente às canções produzidas por compositores e letristas amazonenses ou não amazonenses estabelecidos no estado.

    A música popular amazonense (MPA), apresenta em suas letras temas característicos da região amazônica, enfatizando o cotidiano do homem mestiço caboclo, indígena, o homem da cidade, os migrantes, assim como aspectos relacionados à saudade do interior e a paixão pela cidade, costumes regionais, festas, crenças, folclore, lendas, o rio, a floresta, os animais e expressões utilizadas no norte e outros motivos que inspiram músicos e compositores a produzirem música.

    Surgiram compositores como Anibal Beça, Wandler Cunha, Aldisio Filgueiras, Celito Chaves e Guto Rodrigues entre outros, seguidos por uma geração que fez emergir os nomes de Roberto Dibo, Zeca Torres (Torrinho), Candinho, Célio Cruz, Afonso Toscano, Armando de Paula, Cileno, Antônio Pereira e, mais recentemente, Raízes Caboclas, Nicolas Junior, Banda Casulo, Gonzaga Blantez, Cabocrioulo, Gil Valente, etc.

    A maior parte da produção de MPA, no entanto, perdeu-se no tempo, seja por falta de registros fonográficos ou edições de partituras, tablaturas, cifras ou mesmo as letras das canções que poderiam ser conservadas para a posteridade, seja para uso particular, em escolas de música, universidades, conservatórios, etc. Felizmente, graças à iniciativa inédita de três músicos amazonenses isso começa a mudar nesse ano de 2019. Wanden Coelho, Adalberto Holanda e Robson Silva lançam o primeiro “Songbook” de canções populares do Amazonas.

    Produzido através do Edital da Prefeitura de Manaus, por intermediação executiva de Porto de Lenha Produções, “MPA : O nosso Cantar” pode ser considerado a pedra fundamental em editorações dessa natureza no estado do Amazonas, pavimentando o caminho para outras obras semelhantes que poderão surgir no futuro, visto que as 60 canções contempladas na obra  que inclui clássicos como Porto de Lenha (Zeca Torres e Aldisio Filgueiras), Marapatá (Armando de Paula e Anibal Beça), Candeia de Estrelas (Célio Cruz), Amazonas Moreno (Celdo Braga e Osmar Oliveira) e Renovação (Candinho), entre vários outros  representam uma porcentagem numericamente bastante reduzida diante do vasto universo criativo da música amazonense.

    A noite de autógrafos e lançamento oficial do Songbook  “MPA : O nosso Cantar” será no próximo dia 22 de agosto, a partir de 20 horas, no Bar e Restaurante Porto de Lenha, situado à Av. Constelação,  Morada do Sol, Aleixo. Além da presença de seus três organizadores-autores, o evento contará com show: Lili Andrade no vocal, Maria Grigorova (violino), Karen (Cello), Adalberto (flauta/violão), Wanden (violão) e Eliberto (percussão) e diversas participações dos compositores que tiveram suas canções incluídas na obra.

    *Com informações da assessoria 

    Comentários