Fonte: OpenWeather

    Artistas Locais


    Domingo Autoral estreia no Teatro Gebes Medeiros em Manaus

    A programação segue até 29 de dezembro

    A iniciativa tem a proposta de formar plateias para que os artistas locais | Foto: Divulgação

    Manaus- A partir do próximo domingo (10), o Teatro Gebes Medeiros (Ideal Clube,  avenida Eduardo Ribeiro, no Centro) vai se transformar em ponto de encontro para os fãs de música produzida no Amazonas. Realizado pela Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, o Domingo Autoral acontecerá todos os domingos, às 19h, com entrada gratuita. A programação segue até 29 de dezembro, e a primeira atração é o sambista Júnior Rodrigues, com participação de Pedrinho da Lapa.

    A iniciativa tem a proposta de formar plateias para que os artistas locais possam divulgar seu repertório autoral, segundo explica Celdo Braga, que idealizou o projeto com Nícolas Júnior.

    “O Nícolas teve a ideia inicial e me procurou. Levamos à Secretaria, que abraçou o projeto, que tem o objetivo de valorizar o que é produzido aqui em termos autorais. A ideia inicial é ter um ponto tradicional em que as pessoas passem a saber que todo domingo vai ter artista da região mostrando seu trabalho para o público, além de oferecer um espaço para quem está começando, apoiando quem está querendo se lançar no mercado”, afirma.

    O secretário estadual de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz, destaca que o Domingo Autoral se alinha às ações da pasta para a valorização do artista local. “Temos grandes talentos no estado, e valorizá-los, oportunizando que mostrem suas criações, é uma das nossas missões. É importante que o público conheça as composições da nossa terra, e o projeto vem para ser esse espaço”, afirma.

    O Domingo Autoral começa neste domingo, com um repertório variado de Júnior Rodrigues. “Vou cantar 20 músicas, 13 das quais nunca foram gravadas, incluindo um xote (“Branca”) e uma valsa (“Valsando pra Nina”), que fiz em homenagem a minha filha”, adianta o cantor.

    Júnior se apresentará acompanhado de Dudu Brasil (violão 7 cordas), Aécio Bezerra (flauta e sax), Cláudio Nunes (cavaquinho), Fred Teixeira (bateria), Kayro Bamba (pandeiro) e Mestre Gordinho (surdo).

    Como convidado, ele escolheu Pedrinho da Lapa, conhecido nas rodas de samba de Manaus, que fará seu primeiro show em um teatro, aos 80 anos. “Ele é um sambista muito atuante, apesar de nunca ter pisado no palco de um teatro. Vai ser maravilhoso tê-lo na abertura do Domingo Autoral”, elogia Júnior.

    Com mais de 40 composições próprias, Pedrinho da Lapa conta que transita por vários estilos, como samba-canção, bolero e marchinhas. “Gosto muito de samba, de cantar com percussão, das rodas com amigos. Tenho as melhores expectativas para esse show no teatro”, revela.

    Com Júnior Rodrigues, Pedrinho vai apresentar “Mangueira é Brasil” e “Samba da Academia”. “Minhas músicas falam ao coração. Espero que o público goste”, conclui.

    As próximas edições do Domingo Autoral terão Nícolas Júnior (17), Ketlen Nascimento (24), Roberto Lima (1º), Fátima Silva (8), Márcia Siqueira (15), Cileno (22) e Celdo Braga (2).

     *Com informações da assessoria 

    Comentários