Fonte: OpenWeather

    Perda


    Saxofonista da Amazonas Band, Aécio Bezerra, morre em Manaus

    Aécio Bezerra fazia parte da Amazonas Band desde 2012. Há nove meses lutava contra uma fibrose pulmonar

     Aécio Bezerra fazia parte da Amazonas Band desde 2012
    Aécio Bezerra fazia parte da Amazonas Band desde 2012 | Foto: Divulgação

    Manaus -  A cultura amazonense sofreu mais uma perda. O saxofonista da orquestra Amazonas Band Aecio da Silva Bezerra, de 51 anos, morreu, na manhã desta terça-feira (21), no Hospital Adventista, em Manaus.

    Em julho de 2019, Aecio foi diagnosticado com fibrose pulmonar e estava internado desde dezembro para tratamento da doença.

    Aecio era multi-instrumentista (tocava saxofone, clarineta e flautim) e também arranjador. Natural de Arcoverde (PE), chegou em Manaus há 34 anos. Fazia parte da Amazonas Band desde 2012, quando participou da sétima edição do Festival Amazonas Jazz e gravou o disco “Amazonas Band convida Gilson Peranzzetta e Mauro Senise”.

    Em nota, a Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa lamentou a morte do músico e prestou solidariedade aos amigos e familiares. 

    “Perdemos um excelente profissional, uma pessoa dedicada à música, à família e aos amigos. Além da atuação na Amazonas Band, um dos Corpos Artísticos do Estado, Aecio fazia um trabalho com diversos artistas. Um excelente músico que o Amazonas perde nesse momento”, afirma o secretário de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz.

    A Amazonas Band também emitiu nota de pesar lamentando a morte do integrante.  "Aécio era músico muito atuante no cenário musical de Manaus, acompanhando vários artistas e grupos locais com sua flauta, sax e com sua clarineta. Ele vinha lutando contra um problema pulmonar há cerca de 9 meses e aprouve a Deus chamá-lo para si no dia de hoje. Seu legado e sua musicalidade serão lembrados para sempre. Sentiremos saudades amigo", diz a nota.

    Comentários